Publicidade

Polícia age rápido e prende acusado de matar “Arielza”

A Polícia Militar apresentou na Delegacia de Polícia Civil em Parauapebas, Matheus Lima dos Santos. Ele é apontado como o assassino do cabeleireiro Ary Ribeiro da Silva, encontrado morto em sua residência localizado à rua Santa Catarina, 242, Bairro Liberdade.

A operação que prendeu o acusado foi realizada pelas polícias Civil e Militar. Matheus já tinha passagem pela polícia e segundo os policiais, faz parte de uma facção criminosa.


A reportagem recebeu a informação de que Matheus foi reconhecido por testemunhas como sendo o autor do homicídio cometido contra Ary, ativista LGBT, popularmente conhecida como “Arieuza”.

“Arielza” em vida 

 

O acusado do homicídio foi preso pela equipe composta pelo sargento Leomar e soldado Coutinho. Matheus nega o crime. No momento da prisão estava em uma casa na travessa Buriti, 154, Bairro Liberdade, por volta das 18h00.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu