Publicidade

Apresentador Wederson Andrade deixa RedeTV Parauapebas

Uma história contada por dona Jasmim Andrade, mas que, diferente de seu nome, não foi feita só de flores. Ela conta que seu filho, Wederson Andrade, de quem falaremos nesta matéria, sempre foi criativo, alegre e sonhador. “Ele brincava muito sozinho e fantasiava ser apresentador de TV. Desenhava a TV na parede e ficava horas dando notícias que ele mesmo inventava. Também gravava a própria voz e ficava ouvindo, dizendo ser radialista”, conta Jasmim, dizendo pensar que seria apenas brincadeira de criança e nem esperava que em sua adolescência seu filho fosse lutar para concretizar seu sonho de ser apresentador de TV.

E foi assim que Wederson Andrade começou a escrever sua história ao insistir com diretores de emissoras que dessem a ele a oportunidade de mostrar e desenvolver seu talento, quase sempre negado, mas não desistiu. “Ele ainda falou de ser policial, mas eu sabia que seu jeito gentil não o levaria para aquela profissão”, afirma dona Jasmim, dando conta de que a criatividade do filho falou mais alto e conseguiu criar um projeto e ser aceito pelo diretor de uma emissora (SBT Redenção) em 2006. Era um quadro chamado “repórter curioso”.
O quadro ficou seis meses no ar e serviu como passaporte para ir para outra emissora, desta vez a RBATV Redenção, onde fez um programa de clipes musicais.

Saraiva publicidade

Pronto, nascia aí o apresentador Wederson Andrade. “Foi uma ótima experiência que me trouxe amadurecimento”, conta Wederson, dando conta de que em 2010, após passar por experiência em rádio, voltou para o SBT Redenção, já como repórter e no fim do mesmo ano começou a apresentar o programa principal da emissora, o “Sul do Pará em revista”, lugar que ocupou por seis anos.

 

EM PARAUAPEBAS

Mas Wederson Andrade tinha sonho de atuar em outras cidades, por isso, em 2015, quando ainda atuava no SBT Redenção, surgiu a proposta de vir para a RBA TV Parauapebas. “No início tive receio de sair da minha casa e buscar novos horizontes, mas era necessário. Vim e fui bem recebido pelo diretor da emissora na época, Raimundo Santos, e apresentei o Barra Pesada por seis meses”, conta Wederson, narrando que ao sair da RBA TV Parauapebas foi para a TV Correio, afiliada ao SBT, onde começou um novo projeto, que ele qualifica como um desafio, o “Fala Cidade”, sendo o primeiro apresentador por 11 meses daquele programa.

Porém, mais um desafio surgiu na vida de quem, um dia, foi um garoto sonhador, e agora já se tornara um apresentador conceituado. Assim ao sair do SBT estreou na RedeTV Parauapebas, onde criou e, também, por 11 meses apresentou o programa “O povo na TV”. “Levei comigo alguns profissionais e isso facilitou na criação, produção e manutenção do programa”, admite Wederson, dando conta de que era mês de junho de 2016 e que foi desligado da emissora recentemente.

Na RedeTV, além de apresentar o carro chefe da emissora (programa principal), Wederson recebeu a confiança do diretor Genésio Filho, de coordenar o jornalismo, cuidando de três programa diários; alcançando ótimos índices de audiência em todos eles. Período em que ele só lamenta não ter conseguido ajudar ainda mais a população e também não ter concluído o projeto de transformar o jornalismo daquela emissora; mas diz acreditar nos profissionais que lá ficaram e que isso irá acontecer.

A saída de Wederson Andrade foi apenas por questões financeiras da emissora, mas ele diz receber esse momento como oportunidade de iniciar um novo ciclo profissional e de pôr em prática antigos projetos que não os praticou antes por falta de tempo. Mas diz que tem planos de continuar na TV, sua paixão.

Perguntado se continuará em Parauapebas ele diz: “Quero ser apresentador nacional e para isso acontecer uma hora, terei que ir embora, não sei se esse é o momento. Penso que se surgir alguma coisa por aqui, fico. Se não, terei que ir e continuar a busca pelo meu sonho”, planeja Wederson, dizendo embasar em uma frase de Augusto Cury que gosta muito: “Nunca desista dos seus sonhos”.

Reportagem: Francesco Costa – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu