Publicidade

Confusão marca apuração do carnaval 2014 em Parauapebas

Desorganização total, talvez essa seja a palavra que melhor se encaixa para o episódio que aconteceu na tarde de ontem, (6), durante a apuração do resultado oficial do carnaval, que é de responsabilidade da Liga das Agremiações dos Blocos e Escolas de Samba de Parauapebas (LIABESP).

De acordo com a programação oficial, divulgada pela própria Liga e organização do carnaval, o resultado oficial seria contabilizado na quarta-feira (5), porém, sem aviso prévio à imprensa e até mesmo aos filiados à LIABESP, a apuração foi adiada para esta quinta-feira (6).


O evento realizado no Centro de Desenvolvimento Cultural iniciou por volta das 17h, com uma hora de atraso. No momento da apuração, os poucos carnavalescos que compareceram não ficaram nada satisfeitos com os resultados e principalmente com a determinação da Liga das Agremiações dos Blocos e escolas de Samba de Parauapebas que após o resultado oficial comunicou aos representantes de blocos e escolas de samba que quem se sentir prejudicado com o resultado, deveria impetrar com representação durante esta sexta-feira (7), porém, a reclamação dos carnavalescos é que a Liga se negou a entregar cópias das punições recebidas pelos competidores e notas dadas pelos jurados.

O momento ficou tenso quando um carnavalesco da Escola de Samba Acadêmicos do Sol Nascente pediu direito de voz durante a apuração e não obteve sucesso. Com a negativa, o carnavalesco interrompeu por alguns minutos a apuração e expos seu ponto de vista sobre as ações da Liga. “Como podemos impetrar com uma ação se a Liga se nega a nos mostrar as cópias das notas e punições dos jurados?”, indagou.

No quesito organização por parte da Prefeitura Municipal de Parauapebas e outros órgãos públicos municipais que trabalharam em conjunto durante o carnaval 2014, pode se dizer que a festa momesca deste ano foi uma das melhores dos últimos anos, porém, a Liga das Agremiações dos Blocos e Escolas de Samba de Parauapebas e até mesmo as atuações de seus membros na avenida deixou muito a desejar com apresentações de blocos e escolas de samba que não agradaram muito o grande público que compareceu durante seis dias no “Corredor da Folia”, montado no bairro Paraíso.

Espera-se que nos próximos anos, tanto a direção da LIABESP, como os filiados à liga possam sentar e juntos possam buscar melhorias para os desfiles de blocos e escolas de samba, porque da forma que está, com certeza o município só tem a perder.

Reportagem e foto: Bariloche Silva – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu