Publicidade

Corpo de jovem é encontrado na margem esquerda do Rio Parauapebas degolado e sem coração

O corpo do jovem João Matheus da Conceição, de 18 anos, conhecido por “Cobra”, foi encontrado na tarde do último sábado (15) decapitado e com profundos cortes de facão na cabeça, barriga, vísceras expostas e sem o coração.

A localização do corpo do rapaz ocorreu à margem esquerda do Rio Parauapebas, em área pertencente à Floresta Nacional de Carajás, em frente ao antigo balneário da Fia, que fica no Bairro União, em Parauapebas.


Informações colhidas pela reportagem junto à polícia e populares que conheciam a vítima dão conta que cerca de dez homens pegaram João Matheus no Bairro Liberdade, desceram o Rio Parauapebas de canoa e à margem da Floresta Nacional de Carajás mataram o rapaz.

Procurado pela reportagem, para falar sobre o assunto, Edinaldo de Jesus Lopes, pai de João Matheus, disse ter tomado conhecimento que o filho dele tinha saído na sexta-feira (14) de canoa detrás da chácara dos guardas e desceu pelo Rio Parauapebas.

Foto da vítima ainda em vida

 

“Disseram que ele estava trepado num pé de manga pegando fruto para umas mulheres, quando chegaram os homens com arma de fogo. As mulheres correram, e aí eles botaram arma em meu filho e mataram”, explica Edinaldo de Jesus, ainda chocado com morte do filho.

Ele acrescenta ter tomado conhecimento também que um pescador disse ter visto quatro homens entrando na mata de Carajás e só voltaram três. No outro dia (sábado), segundo ainda Edinaldo de Jesus, o pescador foi ao local e encontrou um homem morto, com corpo degolado, cortes na cabeça e na barriga.

“Foi muita covardia o que fizeram com meu menino. Ele tinha passagem na polícia por roubo, mas não sei por que fizeram isso com ele”, lamenta Edinaldo de Jesus.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu