Publicidade

Em Marabá, polícia prende padrasto acusado de estuprar e engravidar enteada de 12 anos de idade

A expressão “o perigo mora em casa”, nunca foi tão verdadeira como no caso em que a vítima de estupro foi a enteada de Luciano da Conceição Santos.

Depois de receber denúncia, a Polícia Militar esteve na Fazenda São Francisco, distante cerca de 30 km da Vila Santa Fé, na Estrada do Rio Preto, município de Marabá, sudeste do Pará, e prendeu Luciano Santos. Ele é acusado de ter estuprado e engravidado sua enteada de 12 anos de idade.

Ele deverá ser enquadrado por estupro de vulnerável porque a menina tem menos de 14 anos de idade.
Desde bebê, a garota teria sido criada pela família do acusado. Segundo as primeiras informações, apuradas pelo site Debate Carajás, Luciano Santos adotou a criança desde os 17 dias de nascida. “Ele é um monstro. Só não era pai biológico dela”, afirmaram algumas pessoas conhecidas do acusado.
O suspeito foi encaminhado para a delegacia de polícia civil para realização dos procedimentos previstos em lei e o Conselho Tutelar irá acompanhar o caso.


Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu