Publicidade
Paragominas

ESTELIONATO: Polícia prende dois homens que praticavam golpes em locadoras de veículos

Dois jovens, não aparentando mais que 25 anos de idade, foram presos em Parauapebas quando tentavam locar mais um veículo para, com isso, executar suas práticas criminosas.

As informações são do delegado de Polícia Civil, Nelson Souza, que, depois de ouvir os presos, conversou com a equipe de reportagens do Portal Pebinha de Açúcar e detalhou a ação criminosa.

Segundo o delegado, os jovens, na manhã de hoje (22), primeiro foram na locadora MOVIDA e conseguiram locar um veículo usando um documento falso como nome de Gabriel Luiz Leite Lessa. Depois foram até a locadora Localiza, onde pretendiam locar outro veículo, mas foi aí que o plano desandou, pois, a atendente, ao checar a ficha do locador, que agora usava outra carteira de identidade e desta vez com o nome de Felipe Antônio dos Santos, percebeu que o nome estava certo, mas a foto na carteira de identidade não correspondia. Motivo que levou a gerência da empresa a acionar a polícia, que efetuou a prisão do estelionatário e de outro que estava com ele.

Quanto os verdadeiros nomes dos presos, ainda se está tentando desvendar, pois, entre os muitos falsos estão: Gabriel Luiz Leite Lessa, Felipe Antônio dos Santos, Iderson Rezende de Assis. Porém, já se apurou que o nome verdadeiro de Gabriel Luiz Leite Lessa é Luan Felipe de Araújo Almeida e este já tem passagem na polícia por crime de homicídio (artigo 121 do CPB), e se encontrava na condicional com habeas corpus expedido pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça).
O nome verdadeiro do outro envolvido ainda está sendo apurado pelas autoridades policiais.

A dupla já aplicou o mesmo golpe em locadoras na cidade de Marabá, cidade no sudeste do Pará, a 160 quilômetros de Parauapebas, de onde conseguiu levar dois veículos tendo negociado, de acordo com a versão de um dos presos, em Goiânia, Goiás.

Outra surpresa foi quando a polícia foi no hotel em que a dupla se dizia hospedada, encontrando no quarto um homem de 54 anos de idade que se apresentou pelo nome de Gelton Mariano da Silva. O homem apresentou uma carteira de identidade militar e nela consta ter a patente de subtenente do Corpo de Bombeiros Militar, de cuja corporação já está reformado.

Com o militar, que se encontra detido para averiguação, foi encontrada uma pistola calibre 380, municiada; cuja procedência, de acordo com o delegado Nelson, será checada.

 

Quanto à dupla, a prisão será mantida por estelionato (artigo 171 do CPB) e porte de documentos falsos (artigo 304 do CPB), além de outros crimes anexos a eles. “A investigação segue em Parauapebas com dados passados para a Seccional de Polícia Civil de Marabá para apurar outros crimes de estelionato que praticaram por lá”, explica Nelson, detalhando que há ainda outra investigação que deve chegar a outros envolvidos, e assim, se entender a dimensão da associação criminosa que recebe os veículos roubados na “falsa locação” e depois dá a eles destino que pode ser desde desmanche, clonagem etc..

 

Reportagem: Francesco Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Pebinha de Açúcar Comunicação & Marketing LTDA-ME
CNPJ: 05.200.883.0001-05 Parauapebas-Pará-Brasil
(94) 99121-9293 | (94) 981342558

Todos os direitos reservados © 2017 Pebinha de Açúcar Comunicação & Marketing Ltda-ME
Desenvolvimento Web: Agência Maktub

To Top
error: Reprodução proibida!