Publicidade

‘Fui mal interpretada’, diz pastora paraense após declaração polêmica sobre Gabriel Diniz

A pastora paraense Juliana Tuma apagou seu perfil nas redes sociais após se pronunciar oficialmente, nesta quarta-feira (29), sobre uma declaração polêmica feita por ela a respeito do cantor Gabriel Diniz, que morreu em um acidente de avião na última segunda-feira (27).

Na publicação, Juliana diz que está ciente da repercussão de seu comentário, em que afirma que o artista foi para o inferno porque “cantava para o diabo”. “Venho me pronunciar e retratar, informando que já acionei os meus advogados, os quais estão adotando providências cíveis e criminais em face das pessoas que atingiram a minha honra e imagem”, disse.


A paraense complementou que se sentiu mal interpretada pelo depoimento e que apagou os stories. “Falei de algo que creio, por estar na Palavra de Deus, em Marcos 16:16, de forma que fui mal interpretada, pela maneira direta e fria demais com que falei”, disse a pastora, momentos antes de deletar seu perfil no Instagram.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu