Publicidade

Governo garante investimento de R$ 60 milhões para pavimentação da TransCarajás

Foto: Reprodução

Uma das demandas mais antigas do sudeste paraense, a conclusão do projeto de pavimentação da Rodovia TransCarajás, sairá do papel assim que passar o período chuvoso. No município de Canaã dos Carajás, na tarde de sábado (30), o governador Helder Barbalho anunciou a autorização para a Secretaria de Estado de Transportes (Setran) concretizar a licitação da obra, que deve ter investimentos acima de R$ 60 milhões. O governador, acompanhado de titulares de vários órgãos da administração estadual, está na região para cumprir uma vasta agenda de trabalho, dentro do Programa Governo por Todo o Pará.

Antes de chegar a Canaã dos Carajás, o governador se reuniu, em Belém, com representantes da Setran e da Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan) para autorizar a conclusão da pavimentação da Rodovia TransCarajás. Nessa primeira etapa, o investimento será de R$ 64 milhões em um trecho de 45 quilômetros, entre a entrada do município e o KM-70, encurtando o tempo de acesso aos municípios de Parauapebas, Xinguara e Sapucaia, e à Rodovia BR-155, que leva ao Estado do Tocantins. Helder Barbalho frisou que a obra é estratégica e prioritária para a região.


“Integrando os estados, garantimos o escoamento da produção e o desenvolvimento. Integrar e viabilizar vocações e o encurtamento de caminhos para as pessoas será o fator determinante para investimentos”, reforçou o governador, confirmando que o processo já está em andamento, e que a chegada do período de estiagem no Estado deverá acelerar ainda mais as ações necessárias para o início das obras.

Educação – O começo da agenda de Governo na região incluiu o convênio de supervisão educacional da Polícia Militar com a primeira escola em tempo integral do município. A Escola Municipal de Educação Básica Ronilton Aridal da Silva iniciará suas atividades no próximo dia 8 de abril, recebendo mais de 600 alunos oriundos de outras escolas, principalmente do residencial Canaã e do bairro Nova Esperança.

Aos 12 anos, Gabriel da Silva é uma das crianças que será beneficiada pela estrutura do complexo, superior a 3 mil metros quadrados, inaugurado neste fim de semana. Ansioso por estar a poucos dias do início das aulas, ele disse entender que a mudança deve ter um peso significativo em seus principais objetivos na vida. “Desde que eu soube que iam construir, eu quis vir para cá. Acho que tudo vai melhorar, inclusive o comportamento, com regras diferentes, aulas diferentes, tipo as de informática. O meu sonho é entrar para o Exército. Então, acho que vai ser muito bom”, contou ele, que estava ao lado do governador no momento em que a faixa de inauguração foi descerrada.

Helder Barbalho lembrou que apesar de o município, assim como outros do Sul e Sudeste do Pará, ser historicamente lembrado pela exploração mineral, é essencial o investimento na formação de jovens e crianças. “Parabéns a esta administração por priorizar a educação, única riqueza que nenhuma circunstância pode tirar. Vocês fazem a boa escolha, de promover as transformações a partir desta iniciativa”, ressaltou o governador.

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Pará, deputado Daniel Santos, ratificou o apoio às ações prioritárias da nova gestão. “Só vamos construir uma sociedade melhor com educação. Tudo começa nisso. É intensificar a presença de poderes em todos os locais. Se não sairmos da capital, não estaremos fazendo nada”, afirmou.

“Me sentirei realizado se tiverem consciência de que, para fazer parte do desenvolvimento, ninguém precisa se separar. É possível olhar pela capital, Canaã, cada canto deste Estado”, garantiu Helder Barbalho.

Mais obras – O chefe do Executivo anunciou ainda a retomada das obras de reforma da Escola Estadual Irmã Laura de Martins Carvalho e, futuramente, a construção de uma nova unidade educacional. Também durante a programação foi confirmado um compromisso de cooperação entre a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e a Secretaria Municipal de Agricultura de Canaã, com objetivo de fortalecer a atuação dos produtores e do agronegócio. A construção da nova sede do órgão no município é uma das ações previstas nesse planejamento.

O prefeito Jeová Andrade disse que o governador “sabe das dificuldades da educação como um todo, e assumiu um compromisso em relação a isso. Acreditamos em um Pará novo, e vemos que muitas coisas já começam a ser resolvidas”.

Tranquilidade – Para a dona de casa Joseane Silva, a inauguração da nova escola resolve o problema da enorme distância que a filha, Emanuele, enfrentava diariamente para estudar. Aos 10 anos e cursando o 4º ano do ensino fundamental, a menina aprovou a nova escola. “É bonita. Acho que vai ser muito legal vir para cá, e meus colegas da minha turma também estão vindo”, comentou.

“Mesmo com transporte garantido, escola longe sempre preocupa. Agora vou ficar mais tranquila. Tomara que a gente consiga mantê-la desse jeito, para que em alguns anos o meu filho mais novo também possa vir estudar aqui”, acrescentou Joseane Silva.

O coronel Emílio Ferreira, que assume a coordenação do apoio da PM à Escola Ronilton Aridal Silva, lembrou que os bons resultados obtidos em Marabá com essa parceria educacional estimulam a repetir a experiência nas demais regiões do Estado. “É o maior projeto de prevenção executado pela Polícia Militar com o Governo. É uma união para formar cidadãos com valores éticos e morais, para que possam participar mais junto as suas comunidades, em suas famílias, no auxílio à resolução de problemas no ambiente escolar e entorno”, destacou o coronel.

A expectativa também toma conta dos profissionais da educação. “Estamos radiantes com a possibilidade de oferecer outras disciplinas além da base comum, desde o esporte ao teatro, dança, Libras (Língua Brasileira de Sinais) etc. Será uma formação diferenciada”, garantiu a diretora da Escola, Elen Soares.

Estrutura – Além das aulas regulares em salas climatizadas, no período de 7 às 17h20 os alunos terão acesso, de segunda a sexta-feira, a atividades diversas. Obra orçada em R$ 5,3 milhões, e construída inteiramente com recursos do município, o complexo oferece quadra de esportes, horta, laboratórios, biblioteca e espaços de convivência.

O local será supervisionado pelo 23º Batalhão da PM, sediado em Parauapebas (município vizinho), vinculado ao Comando de Policiamento Regional II. Serão designados instrutores do Programa Educacional de Resistência às Drogas e Violência (Proerd) para atuação com os estudantes.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu