Publicidade

Josineto Feitosa comenta sobre matéria publicada no jornal Diário do Pará

Sobre a notícia veiculada no último fim de semana no jornal Diário do Pará afirmando que como presidente da Câmara Municipal de Parauapebas teria contratado empresas fantasmas para prestarem assistência jurídica para aos vereadores, declaro o seguinte:

• Todas as empresas que prestam esse tipo de serviço à CMP já o faziam nos mandatos anteriores e por esse motivo os contratos foram renovados. Após receber denúncia de que tais empresas supostamente seriam fantasmas, ou seja, existiam apenas virtualmente, visitei in loco todos os endereços e solicitei uma auditoria em toda a documentação relativa às contratações objeto das denúncias. Nada foi encontrado de errado nos contratos ou nas documentações apresentadas.


• Não fazemos nada escondido e todos os pagamentos feitos por esta administração estão disponíveis no Portal da Câmara Municipal de Parauapebas.

• Os contratos, assim como os serviços prestados pelas empresas contratadas estão disponíveis na CMP a qualquer cidadão que por ventura os solicitarem.

• Não compactuo com nenhum tipo de ação errada e apesar da inexperiência com a coisa pública procurei me informar com os órgãos fiscalizadores em todas as ações administrativas que tomei ao longo desse primeiro ano de mandato como presidente para que, no futuro, nada venha prejudicar minha carreira política.

• Essa é uma denúncia antiga que agora, fomentada por pessoas que pouco tem a oferecer ao município, voltou a ser debatida. Isso se dá devido à minha recente mudança de partido e por não me intimidar com nenhum tipo de coação de cunho financeira daqueles que usam a mídia para se dar bem e tentam a todo momento buscar equivocadamente erros onde não existem.

• Tramita na justiça de Parauapebas, desde o final do ano passado, uma ação popular por improbidade administrativa relacionada aos fatos da denúncia agora apresentada pelo periódico da capital. Em um primeiro momento, a meritíssima juíza da causa negou liminar ao requerente e os contratos permanecem ativos. Até a presente data não fui citado para me manifestar e quando o for prestarei todos os esclarecimentos que julgar necessários para minha defesa, reiterando que nada fiz de ilegal.

• Volto a salientar que sempre estive disponível para dirimir quaisquer dúvidas da imprensa, local ou não, com relação às ações da presidência e que permaneço no fiel propósito de trabalhar para o engrandecimento de Parauapebas.

Josineto Feitosa Presidente da Câmara Municipal de Parauapebas

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu