Publicidade

Mulher mata esposo a golpe de faca em Parauapebas

A Polícia de Parauapebas está à procura da dona-de-casa Auricélia Medeiros Barbosa, 36 anos. A mesma se encontra foragida desde a madrugada de domingo (16), quando matou a golpe de faca seu companheiro, o lanterneiro Marcos Antônio de Oliveira, 33 anos.

O crime ocorreu por volta de 01h00min na casa do casal, localizada na rua Gibraltar, entre as ruas Bolívia e Canadá no bairro Vila Rica.

Saraiva publicidade

A reportagem do Portal Pebinha de Açúcar esteve no local do fatídico e conversou com o proprietário da residência onde o casal morava. Luís Silva de Oliveira, contou que Marcos e Auricélia residiam no endereço há 45 dias e a seis meses moravam juntos e que eram bons vizinhos, porém, por ciúmes brigavam o tempo todo e ambos se queixavam para ele do comportamento de um com o outro.

Foto da vítima em vida
Foto da vítima em vida

Na manhã de sábado, Marcos Antônio teria dito para Luís, que iria separar de sua companheira, pois ela era muito agressiva e ignorante, da mesma forma, ela desabafava com o proprietário do imóvel e dizia o mesmo do marido.
Entretanto, segundo Luís Silva, o casal passou o dia brigado, Marcos saiu para ingerir bebidas alcoólicas e Auricélia teria ido ao bairro da Paz, chegando em casa por voltas das 22h00min, ao deitar para dormir, Marcos Antônio teria chegado e ali começaram uma terrível discussão. Luís conta ainda que não viu como aconteceu o crime por que ele já estava deitado, mas ouvia toda discussão. “Ouvi quando a vítima gritou: Não faz isso comigo, não”, relatou.

Em dado momento, Luís ouviu Auricélia pedindo socorro, pois, Marcos queria matá-la, ao correr para socorrer, Luís Silva, foi surpreendido com Marcos Antônio caído no meio da sala já morrendo, enquanto ela gritava por socorro dizendo “Matei quem eu mais amava, chama a ambulância”. No entanto, enquanto a vítima morria, Auricélia Medeiros pegou todo o dinheiro, cerca de 180 reais no bolso do companheiro que agonizava e deixou o local apenas com a roupa que vestia e seus documentos em sua bolsa.

Não se sabe se a acusada ainda se encontra na cidade ou se fugiu para a cidade de Arraia-PA, onde mora sua mãe e dois filhos.
A reportagem apurou também, que Auricélia Medeiros no passado teria tentado a golpes de faca contra a vida de seu ex-marido.

Até o fechamento desta matéria a polícia ainda não tinha pista do paradeiro da viúva negra.

Reportagem: Caetano Silva – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar
Fotos: Edvan Sousa

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu