Banner Educar


Operações de trânsito coíbem criminalidade pelas ruas da cidade

Operações de trânsito coíbem criminalidade pelas ruas da cidade

Sargento Levy diz que o trabalho da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) não está focado apenas na fiscalização de trânsito, mas também em crimes diversos sujeitos a acontecer nas rodovias; e cita a situação de veículos roubados, com chassi adulterado ou placa clonada, além do transporte de drogas, posse de armas sem o devido porte etc. “Parauapebas está com muita carência de legalidade, notando muitos condutores dirigindo veículos com falta de licenciamento ou até mesmo de carteira de habilitação, além de veículos sem condições de transitar por deficiências nos pneus, para-brisas e outros acessórios obrigatórios”, informa o militar no momento em que fazia operação em parceria com o DETRAN, fato ocorrido na manhã de hoje, terça-feira, 13, na Rodovia PA-275, entre as ruas JK e do Comércio.

Ainda de acordo com Levy, o principal objetivo da operação é amenizar as irregularidades nas rodovias para que o condutor não traga transtornos para si, sua família e ainda para outros usuários da via.

A respeito de outros crimes, ele diz ter recuperado diversos veículos roubados e outros com chassi adulterado. Ele cita que ontem, domingo, 12, em parceria com a ROCAM, prendeu uma dupla que, usando uma motocicleta, já estava em sua terceira prática de assalto na área comercial da cidade, levando celulares, dinheiro e bolsas das vítimas. “Conseguimos fechar o cerco com diversas viaturas e efetuar as prisões dos meliantes devolvendo a paz aos cidadãos de bem”, narra Levy.

 

Na operação de hoje, a parceria era entre PRE e DETRAN, este sob o comando do agente Max que diz não ter nenhuma novidade em si tratando das infrações. “Continuam sendo as corriqueiras: documentação atrasadas, condutor não habilitado, condutor sem o uso de capacete em moto ou sem cinto de segurança em carros, condutor usando calçado inadequado (sandália sem rabicho), condutor sem os documentos de porte obrigatório etc.”, lista o agente Max, dizendo que apesar de parecerem insignificantes, podem trazer graves transtornos aos usuários da via.

Mas Max diz que a ação é sempre positiva, pois as presenças das autoridades de trânsito nas ruas obrigam que os condutores saiam de casa de forma legalizada; e cita que graças às operações tem baixado os índices de acidentes e roubos.

Reportagem: Francesco Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Fechar Menu
error: Reprodução proibida!