Publicidade
Parauapebas

Órgãos de segurança pública discutem estratégias de combate à criminalidade

Foi realizada na tarde da última terça-feira (5), na sala do júri, uma reunião do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), que teve como principal objetivo a apresentações de ideias e ações que visam contribuir no combate à criminalidade em Parauapebas. O GGIM tem caráter deliberativo e é formado por representantes de vários órgãos de segurança de todas as esferas do poder público (federal, estadual e municipal), além de entidades de classes, como a Associação de Comunicação e Imprensa de Parauapebas (AICOP).

Na ocasião, foram apresentados os novos membros e a proposta de integrar o sistema de videomonitoramento, composto por quase 80 câmeras espalhadas em pontos estratégicos na cidade. Os membros aprovaram e ressaltaram a necessidade de capacitar os servidores para melhor desempenhar o trabalho.
“Vamos integrar todo o sistema de videomonitoramento. Entre radares, semáforos e as câmeras, ação que vai ser utilizada para a fiscalização permanente de situações rotineiras, como: roubo de veículos e assaltos. É a busca para ter uma cidade mais tranquila, mais vigiada no que tange a questão da criminalidade”, explica o secretário municipal de Segurança, Wanterlor Bandeira.

A cidade vive um momento delicado no que diz respeito à segurança. Diariamente, vários crimes são registrados e os órgãos de segurança buscam coibir essas ações criminosas na cidade. Para o subcomandante da Polícia Militar em Parauapebas, Major Sérgio Pastana, a grande força tarefa visa levar tranquilidade ao cidadão.
“Estamos unindo toda a força de segurança num órgão só. Vamos agir em conjunto para que cada órgão apresente suas ideias para que possamos conseguir ter uma cidade mais segura. Todos têm ideias para somar e é muito bom para a população”, ressalta o Major.

Além da aprovação da implementação do sistema integrado de videomonitoramento, outras questões foram deliberadas. Uma delas foi a aprovação de uma Câmara Técnica de Combate a Violência contra Mulher, sugerida pela vereadora Joelma Leite (PSD). A outra foi a assinatura do convênio entre mineradora Vale, Instituto Chico Mendes da Biodiversidade (ICMBio) e Prefeitura de Parauapebas, que passa a responsabilidade da fiscalização do trânsito na estrada Raymundo Mascarenhas ao Departamento de Trânsito e Transporte de Parauapebas (DMTT).

Em Parauapebas, o Gabinete de Gestão Integrada Municipal foi criado em 2014. De lá pra cá, a atuação foi modesta. Ainda assim, o GGIM teve algumas conquistas. O sistema de videomonitoramento, por exemplo, foi resultado de uma proposta apresentada em uma das reuniões do órgão, aprovada e colocada em prática, contribuindo com a segurança pública.

Reportagem: Anne Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Pebinha de Açúcar Comunicação & Marketing LTDA-ME
CNPJ: 05.200.883.0001-05 Parauapebas-Pará-Brasil
(94) 99121-9293 | (94) 981342558

Todos os direitos reservados © 2017 Pebinha de Açúcar Comunicação & Marketing Ltda-ME
Desenvolvimento Web: Agência Maktub

To Top
error: Reprodução proibida!