Publicidade

Parauapebas é destaque e mercado de venda de veículos permanece aquecido no Pará

Foto: Portal Pebinha de Açúcar

Concessionárias e montadoras venderam, de janeiro a março deste ano, 7.137 veículos novos. O número indica que o mercado de venda de veículos no estado continua aquecido. Os dados são parte do balanço trimestral, divulgado, esta semana, pelo Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos e Máquinas do Pará e Amapá (Sincodiv).

De acordo com as informações, as motos aparecem em primeiro lugar no ranking dos seguimentos mais vendidos, correspondendo a 55% do número total (3.899 veículos). Na segunda colocação estão os automóveis, que abocanharam 32% das vendas (2.287 veículos).


Em crescimento, com relação ao mesmo período de 2018, o balanço mostra que caminhões e ônibus também foram bem procurados pelos consumidores. Somente em março, foram vendidos 99 caminhões, ou seja, 35% a mais que o número registrado em março do ano passado.

Com relação aos ônibus, o balanço mostra um aumento ainda maior, de 887,5% com relação ao ano anterior. De acordo com o sindicato, em 2018 foram comercializados apenas 8 veículos deste seguimento. Em 2019, este número subiu de forma significativa, para 79.

Por município – De acordo com o balanço do Sincodiv, Belém foi a cidade com maior número de automóveis (1.070) e motos (621) vendidos, seguindo o mesmo cenário positivo dos meses anteriores. Marabá aparece como o município onde a venda de caminhões foi mais elevada (13) e Parauapebas deteve o primeiro lugar com relação à venda de ônibus (52).

Ranking – Os modelos de veículos novos mais procurados por paraenses, segundo o levantamento do sindicato, são os da concessionária GM, ficando a frente de marcas mais populares como Hyundai, Volkswagen e Renault.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu