Banner Educar


Parazão 2014: Com gol de Maninho, PFC vence Castanhal e ainda sonha com a segunda fase

Parazão 2014: Com gol de Maninho, PFC vence Castanhal e ainda sonha com a segunda fase

Pela penúltima rodada da primeira fase do “Parazão 2014”, o Parauapebas Futebol Clube conseguiu uma importante vitória na tarde do último domingo (1º de dezembro de 2013). Com gol do atacante Maninho, o PFC venceu o Castanhal por 1 a 0 e ainda sonha com uma vaga na segunda fase do paraense.

A partida aconteceu ás 17 horas no estádio Rosenão. Com o resultado, o PFC chegou a nove pontos, com três vitórias e três derrotas em seis jogos. O time parauapebense vai brigar por uma vaga ao acesso na última rodada. Já o Castanhal, com a derrota, se manteve na sexta posição com quatro pontos e brigará com a Tuna e Time Negra para não cair para segundinha.

O PFC começou jogando com uma média um pouco acima do que o Castanhal. No primeiro tempo os donos da casa começaram dominando as ações, mas as jogadas não eram concluídas em gols. O Castanhal assustava nos contra-ataques, mas o goleiro Bacabal do PFC estava bem postado no gol e teve muita sorte, quando na cobrança de escanteio o zagueiro Thalys desviou de cabeça e quase abriu o placar para os visitantes.

O gol da vitória que garantiu a permanência do Parauapebas na primeira fase da primeira divisão foi marcado por Maninho, aos 43 minutos do primeiro tempo, após passe feito pelo zagueiro Robson, ele deu um corte no zagueiro Galvão e bateu forte com a perna esquerda no canto direito do goleiro Paulo Henrique. Maninho marcou segundo gol no campeonato em lance individual. “Fui feliz mais uma vez em marcar um gol de contra ataque e velocidade que é minha especialidade”, destacou o atacante do PFC. Maninho dedicou o gol ao seu filho que estava completando ano.

A torcida do PFC mais uma vez fez seu papal e compareceu em massa no estádio Rosenão, torceu e vibrou com o gol de Maninho, mas também ficava aflita quando o Castanhal chegava com perigo na defesa do PFC.

Para o presidente do time, Túlio da Portal, o PFC correspondeu à torcida jogando com garra e determinação. “Esse era o time que a torcida queria ver, com garra, união e aguerrido dentro de campo, quero agradecer ao torcedor que veio e prestigiou a vitória do nosso time, estamos apenas começando o nosso trabalho à frente do PFC”, relatou o presidente Túlio.

Ficha da partida

Parauapebas 1 x 0 Castanhal
Estádio: Rosenão
Árbitro: Djonaltan Costa de Araújo
Assistentes: Diógenes Menezes Serrão e Fernanda Soares da Silva
Regra: Raimundo Gilson
Renda: R$1.750,00 – Pagantes (200) – Credenciados (200) – Público total (400)
Gol: Maninho, aos 43 pt.

Times:

Parauapebas
Bacabal, Marcelo Lanza, Robson, João Paulo e Almeida (Léo); Agenor, Kaká (Paulista), Maranhão e Soares (Júnior); Maninho e Robinho. Técnico: Júlio César

Castanhal
Paulo Henrique, Pedro Balú, Thalys, Galvão e Júnior; Heuber (Frank), Patrick, Fabinho e Leandrinho; Ramon Fabrício (Rodrigo) e Léo (Alessandro). Técnico: Vitor Hugo
Reportagem: Carlos Campos – Da redação do Show de Bola Esporte

Fechar Menu
error: Reprodução proibida!