Publicidade

Pebinha de Açúcar homenageará jornalista Lima Rodrigues com comenda de Honra ao Mérito

A direção do Portal Pebinha de Açúcar irá entregar nesta terça-feira (6) ao jornalista Lima Rodrigues uma comenda de Honra ao Mérito. A homenagem, que será entregue na sede da empresa, é referente ao esforço que o jornalista fez, através de matérias jornalísticas, sobre o até então andarilho Gabriel Costa de Carvalho, que andava descalço e maltrapilho há muitos anos pelas ruas de Parauapebas. A história chegou a um final feliz, tendo em vista que Gabriel já se encontra com seus familiares no Distrito Federal.

Através de uma série de reportagens publicadas no Portal Pebinha de Açúcar, Lima Rodrigues, com o apoio de outras pessoas e entidades, como, por exemplo, a Subseção da Ordem de Advogados do Brasil (OAB) e a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), conseguiu identificar a família de Gabriel. Nó último sábado (3), o reencontro com os familiares ocorreu na porta do Hospital Regional São Vicente de Paula, na cidade satélite de Taguatinga, no Distrito Federal.


Aguardavam na porta do hospital as irmãs Naiva e Zirene, o esposo de Zirene, Faride Cardoso, e os filhos de dona Naiva, Silvane e Ausdiney Carvalho, além do esposo de Silvane, Márcio Oliveira. O outro irmão João, que é pedreiro, não pôde comparecer, devido a compromissos particulares.

Ao chegar, Gabriel demorou alguns minutos para começar a reconhecer os parentes. De quem mais ele lembrou foi da irmã Zirene e do cunhado Faride, com quem trabalhou como ajudante de pedreiro em Formosa (GO). E aos poucos foi reconhecendo os demais e também histórias familiares do passado. Todos estavam muito felizes com o reencontro. O jornalista Lima Rodrigues conversou com eles e as respostas se resumiram em alegria, felicidade, gratidão a Deus e ao empenho para Lima encontrar familiares de Gabriel através das reportagens.

 

Conteúdo campeão de acessos

As matérias especiais sobre o então andarilho Gabriel, produzidas por Lima Rodrigues e publicadas com exclusividade no Portal Pebinha de Açúcar, de acordo com dados internos do site, foram campeãs de acesso, tanto no portal quanto nas plataformas de redes sociais, como o Facebook e Instagram.

Para ter uma ideia mais clara, entre todas as matérias publicadas no Portal Pebinha de Açúcar ao longo de 2018, a intitulada “Encontrada a família do Gabriel, o homem maltrapilho de Parauapebas” está sendo disparada a mais acessada, o que comprova que o assunto chamou bastante atenção de internautas de várias partes do Brasil e do mundo.

Bariloche Silva, diretor do Portal Pebinha de Açúcar, afirma que está muito feliz com o final feliz da história de Gabriel. “Nós, que moramos em Parauapebas há bastante tempo, sabemos da triste história do ex-andarilho Gabriel que perambulava pelas ruas da cidade. Apesar de muitas pessoas terem tentado o ajudar, ele, em muitas vezes, não aceitava ser ajudado, como, por exemplo, trocar de roupas e até mesmo tomar banho. Porém, muitas pessoas conseguiam o alimentar, o que o manteve vivo. O jornalista Lima Rodrigues há mais de dois anos investigava a vida de Gabriel. Tentou de todas as formas se aproximar e, com seu coração grandioso, começou a escrever matérias e com a força das redes sociais e do Portal Pebinha de Açúcar conseguiu identificar familiares e o final foi espetacular. Que Deus possa abençoar ao Lima e a todos que contribuíram para que Gabriel fosse entregue para seus familiares, onde ele já está visivelmente muito feliz. Essa comenda de Honra ao Mérito é o mínimo que podemos fazer ao colega Lima Rodrigues”, relatou Bariloche Silva.

Gabriel e Lima Rodrigues – Uma história com final feliz

 

Perfil

Josivaldo Lima Rodrigues, 59 anos (19/09/59), jornalista, radialista e cordelista nasceu em Marabá, foi criado em Imperatriz; morou em Uberaba e em Brasília e atualmente faz trabalhos na área de comunicação no Pará e no Maranhão.

Colunista semanal do jornal O Progresso, de Imperatriz, onde começou no jornalismo em 1977, Lima Rodrigues é formado em Comunicação Social (Jornalismo) pelo Ceub (primeiro semestre de 1984) e trabalhou na Radiobrás (hoje EBC) durante 17 anos, quando teve a oportunidade de viajar o Brasil todo com os presidentes da República – desde a época de José Sarney – e por vários países, entre os quais Estados Unidos, Itália, Suíça, Espanha, Chile, Argentina e África do Sul.

Cobriu o Palácio do Planalto e o Congresso Nacional por 22 anos. Neste período, foi correspondente, também, em Brasília, de diversas emissoras de rádio, entre elas, Tupi, do Rio de Janeiro; Bandeirantes e Eldorado, de São Paulo; Gaúcha, de Porto Alegre; Cultura FM, de Belém; O Povo e Verdes Mares, de Fortaleza, e rádios Imperatriz AM e Nativa FM, de Imperatriz.

Presidiu o Comitê de Imprensa da Câmara dos Deputados no biênio 1983/84 e foi chefe do Núcleo de Rádio da Assessoria de Comunicação Social do Superior Tribunal de Justiça (STJ); assessor de imprensa de diversos parlamentares, entre os quais o deputado sindicalista Luiz Antônio de Medeiros, e o senador Valdir Raupp, de Rondônia. Foi também assessor de imprensa da Companhia Energética de Brasília (CEB).

Lima Rodrigues já escreveu em literatura de cordel as biografias de diversas personalidades, como Pelé, Roberto Marinho e senador José Sarney.

Publicou em setembro de 2005 o livro “A História do Presidente Lula em Cordel” e em janeiro de 2011 lançou “A vida de Dilma Rousseff em Cordel”. Escreveu a biografia em literatura de cordel do publicitário Duda Mendonça e do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, como parte da programação oficial do Festival Jeca Tatu, a convite da Secretaria de Cultura de Parauapebas.

O jornalista se destaca com o programa Conexão Rural na Rede TV-Parauapebas e Marabá, é o atual presidente da Academia Parauapebense de Letras (APL) e também é colaborador do Portal Pebinha de Açúcar.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu