Publicidade

Presos irmãos acusados de espancar e matar padrasto

Encontram-se presos desde o último domingo (5), à disposição da Justiça, os irmãos Antonio Batista Ferreira e Francisco Batista Ferreira, acusados de espancar até a morte o padrasto deles, Raimundo Moreira de Aquino, 31 anos, conhecido por “Júnior”, natural de Penalva (MA). O crime aconteceu no Bairro Ipiranga, em Parauapebas.

Ao chegar ao local do homicídio, a polícia ainda encontrou dois pedaços de madeira com os quais os acusados teriam trucidado a vítima, que morreu com uma lata de cerveja em uma das mãos e uma tesoura no bolso, segundo informou a polícia à imprensa.
Procurado para falar sobre o assunto, o delegado Rodrigo Paggi informou que Raimundo “Júnior” foi assassinado pelos dois enteados por conta de desavenças destes com a companheira do padrasto, Maria do Amparo Batista. “Nestas circunstâncias, foi lavrado flagrante em desfavor dos dois acusados”, confirma a autoridade policial.


À reportagem, Francisco Ferreira confessou o crime, justificando que o fato ocorreu porque o padrasto vinha constantemente ameaçando a mãe dele de morte. “Ele ameaçava também colocar droga lá em casa e chamar a polícia para me prender, e ainda foi lá em casa e ameaçou me matar”, explica Francisco Ferreira, acrescentando que minutos antes do desfecho Raimundo “Júnior” estava perseguindo a companheira dele com uma tesoura. “Mas estou arrependido de ter praticado o homicídio”.

Reportagem: Vela Preta / Waldyr Silva – Da redação do Portal Pebinha de Açúcar

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu