Publicidade

Professores do 1º ciclo participam da ‘Roda de Conversa’ com escritor paraense

Durante a tarde dos últimos dias 3 e 4, o auditório I do Centro Administrativo da Prefeitura de Parauapebas foi palco de uma importante “Roda de Conversa” com a participação especial do escritor paraense Daniel Munduruku. Voltado para professores que lecionam no 1º ciclo da rede pública municipal de ensino, o evento teve como tema “Educação, uma janela aberta para o futuro”.

A Roda de Conversa é uma iniciativa da Fundação Vale em apoio ao Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic), programa do governo federal que visa a alfabetização de crianças até 8 anos de idade. Em Parauapebas, o evento contou com apoio da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Educação (Semed).

Saraiva publicidade

Na ocasião, a Fundação Vale doou uma maleta com 11 livros focados nas temáticas Literatura Indígena e Literatura Afro Brasileira. Posteriormente, a Vale doará a maleta com os 11 livros para cada escola da rede.

Ao promover o contato direto de autores de obras infantis com alunos e professores da rede pública, a Fundação busca contribuir para valorização dos livros e da leitura, bem como para a abertura de novas perspectivas para a educação no município. Com isso, ela trouxe para o município a presença do escritor paraense e indígena Daniel Munduruku, com 43 livros publicados, muitos deles com o Selo Altamente Recomendável, outorgado pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ).

Daniel Munduruku declarou a importância de estar participando do evento no município de Parauapebas, tendo em vista que dois dos onze livros que serão doados pela Vale são de sua autoria. “É fundamental essa inserção da Vale, uma empresa que usufrui de uma grande riqueza da própria região. Ela está devolvendo essa riqueza através desse tipo de ação, que é educativa e cultural, e que irá elevar o nível das crianças do município. Gosto muito desse projeto, porque ele traz os componentes sociais e culturais, e deixará esta oportunidade única para o município. A Semed tem um papel fundamental nesse projeto, que é poder alicerçar essa parceria e dar continuidade em todas as escolas públicas de Parauapebas”, disse o escritor.

A secretária de Educação, Juliana de Souza, agradeceu à parceria da Fundação Vale. “Agradecemos à empresa Vale por essa parceria e a todos os professores que estão presentes neste encontro. Tenho certeza que será muito proveitoso a todos nós”, concluiu.

Solange Carvalho, professora da Escola Benedito Monteiro, atuante na rede há mais de cinco anos, relata a experiência de ter participado da Roda de Conversa. “Foi muito importante participar deste momento. Daniel trouxe muitos conhecimentos para fortalecer ainda mais as nossas atividades no município, tendo em vista que já participamos de várias formações. Achei uma experiência única e irei repassá-la a meus alunos”, declara a professora.

Reportagem e foto: Luzandra Vilhena

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu