A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) encerrou com tranquilidade, nesta quarta (4), em Belém e em outros municípios do Estado, a confirmação de matrículas de alunos novos para o ano letivo de 2017 nas escolas, iniciada na última segunda (2). A confirmação, com entrega de documentos, era necessária após a pré-matrícula de alunos novos, que ocorreu de 14 de novembro de 2016 a 1º de janeiro de 2017, pelo Portal Seduc e central de atendimento. Cerca de 48 mil estudantes deveriam confirmar suas matrículas nas escolas estaduais.

O estudante Lucas Silva, 16, foi junto à mãe Cleide Castro efetivar sua matrícula na Escola Estadual Albanízia de Oliveira Lima, no bairro do Souza. “Sou morador do Outeiro, mas escolhi essa escola porque tive boa referência daqui. Pretendo ficar até o ultimo ano do ensino médio”, disse o estudante, que fez matrícula para o 1º ano.

As escolas também estão recebendo alunos de outros estados. É o caso das gêmeas Aryssa e Ariane, 17, que vieram de Aracati (CE), após transferência do pai. “Elas vieram morar no bairro da escola, na Rua Dionísio Bentes e nós procuramos referências de escolas estaduais. Nossos vizinhos falaram muito bem da escola Albanízia de Oliveira Lima e não enfrentei nenhuma fila para efetivar a matrícula. Foi tudo muito tranquilo”, disse o tio da menina, Marcos Vinícius Ribeiro.

Os alunos novos que não fizeram a pré-matrícula serão atendidos a partir do próximo dia 12 de janeiro nas próprias escolas. Porém, precisam ligar antecipadamente para a Central de Atendimento da Seduc, no número 0800 280 0078, para identificar a disponibilidade de vagas. Somente após obter essa informação poderão comparecer com a documentação exigida à unidade de ensino pretendida para a matrícula.

Iolanda Guedes, secretária da escola Albanízia Lima, explica que, apesar do encerramento oficial do período de confirmação, a escola ainda tem vagas. “Vamos continuar o trabalho de matrícula de novos alunos, tanto para quem fez a pré-matricula na internet, como também para quem não fez. Atualmente a escola tem cerca de 400 alunos matriculados, mas tem capacidade instalada para receber até 700”, informou.

Documentos – Na confirmação da matrícula devem ser apresentados: certidão de nascimento ou casamento (original e cópia); histórico escolar ou ressalva (original); comprovante de residência (cópia); duas fotos 3×4 (idênticas e recentes); certificado (original e cópia) ou atestado de conclusão do Ensino Fundamental (original e cópia) para os alunos que cursarão o Ensino Médio; e com

O estudante Lucas Silva, como ele, cerca de 48 mil estudantes deveriam confirmar suas matrículas

provante de trabalho para o aluno do período noturno.

Vera Santos, mãe da Valéria Monteiro, fez questão de levar todos os documentos e não deixar nada pendente na escola. “Ela veio de uma escola de Belém. Como somos moradores da avenida João Paulo II e essa é a escola mais

No bairro do Souza, matrículas seguem na escola, que tem 400 alunos matriculados e capacidade para receber 700

próxima, optamos pelo Albanízia. Não fizemos a pré-matrícula na internet, mas não tivemos dificuldade para conseguir a vaga no bairro que escolhemos. Então, trouxemos logo toda a documentação”, detalhou.

Para quem já é aluno a rematrícula é automática. O processo de remanejamento e transferência de estudantes de escolas estaduais será realizado a partir do resultado final do ano letivo de 2016, previsto para o final de fevereiro. O começo do ano letivo de 2017 na rede estadual está previsto para o mês de março.

A mãe Vera Santos, que não fez a pré-matrícula mas conseguiu vaga para a filha

Por Kátia Aguiar