Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Abatedouro de aves é construído no Centro de Abastecimento de Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Outro diferencial do local, em relação ao anterior, que era localizado na área conhecida como “pé inchado”, é o padrão de qualidade e a possibilidade de fazer a devida higiene, tendo drenos específicos para escoar os dejetos como, por exemplo, sangue; além do devido expurgo de penas e vísceras dos animais.

Ao lado do abatedouro ainda está sendo construído um galpão que abrigará as aves evitando assim o mau cheiro que exala das gaiolas onde elas ainda ficam cativas até que sejam compradas.


A construção do abatedouro faz parte da ação de desocupação da área denominada “pé Inchado”, anexo à Praça dos Metais, que já foi desocupada.
Agora com a conclusão do local as chamadas “gaiolas de galinhas” foram removidas no início da semana.

Os comerciantes de aves abatidas (galinhas), aguardavam a conclusão da construção dos abatedouros no CAP para onde foram removidos e já estão fazendo os abates e comercialização.

Na área do “pé inchado” ainda estão os restaurantes cujos operadores aguardam local adequado para o remanejamento. Há para isso duas áreas específicas, uma é o Mercado do Rio Verde, onde os boxes estão sendo preparados; o outro é o CAP cujos boxes estão já desocupados.

Reportagem: Francesco Costa – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também