Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Acreditando ser vítima de macumba, mulher tenta matar ex-cunhada em Parauapebas

Na manhã da última quinta-feira (23), a guarnição do Grupamento Comunitário Escolar (GCE) da Guarda Municipal de Parauapebas (GMP), demonstrou mais uma vez seu compromisso com a segurança pública e a proteção aos cidadãos. Durante um patrulhamento de rotina, a equipe foi acionada via Centro de Controle e Operações (CCO) para atender uma ocorrência de tentativa de invasão à domicílio na Rua Olavo Bilac, no Bairro Caetanópolis. Chegando ao local, a guarnição encontrou a suspeita, portando uma faca de aproximadamente 30 centímetros, acompanhada de seu filho de dois anos de idade do lado de fora da residência.

A suspeita relatou à equipe, que estava ali porque acreditava estar sendo vítima de “macumba” e ameaçou matar a vítima, sua ex-cunhada, que é moradora da casa. Os guardas notaram um volume suspeito na cintura da mulher e, após uma busca pessoal, encontraram a faca. A suspeita informou que sofre de depressão e está sob acompanhamento médico, o que evidenciou a necessidade de uma abordagem cuidadosa e preventiva por parte da Guarda Municipal. A vítima, temendo pela sua segurança, decidiu proceder criminalmente contra a suspeita, especialmente porque as ameaças já eram recorrentes.

Diante da situação, a equipe do GCE atuou com profissionalismo e sensibilidade, encaminhando-a para a Delegacia de Polícia para garantir a segurança de todos. A suspeita resistiu, sendo necessário o uso de algemas para contê-la.

Essa ação rápida e eficiente reflete a dedicação e a prontidão do GCE em lidar com situações de crise, sempre visando proteger a comunidade e manter a ordem pública. A Guarda Municipal reafirma seu compromisso com a segurança, atuando de forma preventiva e eficaz em todas as situações.

Reportagem: Márcio Alves  |  Correspondente policial do Portal Pebinha de Açúcar

Qual sua reação para esta matéria?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
2
+1
4
Leia também no Portal Pebinha de Açúcar:

Deixe seu comentário