Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

ÁGUAS DE MARÇO: Chuva do mês está abaixo da média, mas ainda vem toró por aí

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Nas últimas 72 horas, choveu em Parauapebas 20% do esperado para todo o mês de março, que, de acordo com o portal Climatempo, é o mais chuvoso do ano. A média de precipitação no município em março é de 287 milímetros (mm) com máxima chegando a 308 mm. Entre a madrugada e domingo (19) e esta terça-feira (21), choveu 57 mm — o equivalente a 57 litros de água para cada metro quadrado de Parauapebas.

Se, porventura, chovesse de uma vez no município todos os 287 mm do mês, as águas de março seriam suficientes para “afogar” toda a área urbana e ainda cravar uma altura de 10 metros. Ou seja, uma chuvarada total de março concentrada apenas na cidade engoliria todas as casas e prédios de até três andares.


Como a chance de um evento catastrófico como esse é nula, uma vez que uma chuva num município de 6.886 quilômetros quadrados é geralmente dispersa e se dá em dias, o fato é que, embora muita gente sinta que esteja chovendo bastante recentemente (e está), a chuva não é mais tão intensa como outrora, quando atingia a média e alcançava recordes históricos. Nos últimos 20 anos, as chuvas mais agressivas em Parauapebas ocorreram em 2004, 2006, 2007 e 2010, com volumes de água recordes.

Nos próximos dias, há previsão de muita chuva, de maneira que da noite de quinta-feira (23) para a madrugada de sexta (24) a chance de cair um toró, de 0 a 10, é 8. A previsão dos órgãos oficiais que mensuram a pluviometria na região é de muita chuva até o final de abril, quando o inverno amazônico começa a ceder para a chegada do verão.

Nestes 21 dias de março, já caíram 126 milímetros de água, 44% do esperado para março. O percentual vai aumentar.

Reportagem: André Santos – Colaborador do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também