Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Apesar de estrada de ferro ter sido liberada, trem de passageiros não circulou nesta terça-feira (4)

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A Vale informa que a Estrada de Ferro Carajás (EFC) foi liberada ontem (3/4). A ferrovia havia sido interditada no início da manhã, no km 739 da ferrovia, no município de Marabá (PA), por integrantes de movimentos ligados à terra. Eles reivindicavam apresença da Presidência do Incra, do Governo do Estado, do Secretário de Segurança do Estado e do presidente do Iterpa de Belém com pautas relacionadas à reforma agrária e ações direcionadas ao Governo. Os manifestantes interditaram os trilhos com pneus e usaram a interdição como pressão para possível atendimento as suas pautas.

A Vale repudia este tipo de manifestação. Políticas públicas voltadas à reforma agrária não são de competência da iniciativa privada. Por causa da interdição, o total de dois mil usuários não realizaram suas viagens por meio do Trem de passageiros, além do impacto às operações da ferrovia e do transporte de outras cargas como o combustível, que abastece região do sudeste do Pará.


Sobre o Trem de Passageiros

Devido à interdição na EFC, o Trem de Passageiros da EFC não circulou ontem (3/4), quando faria o percurso de São Luís (MA) a Parauapebas (PA) e também não circulou hoje (terça, 4/4), dia de saída do Pará ao Maranhão. Os passageiros que já haviam comprado seus bilhetes podem ir às Estações de Passageiros para realizar remarcação ou solicitar reembolso. Mais informações podem ser obtidas, com ligação gratuita pelo Alô Ferrovias: 0800 285 7000.

Publicidade

Veja
Também