Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Após pesquisa eleitoral realizada em Canaã dos Carajás, Bacana é ameaçado

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Marcelo Marques – Jornalista

O Bacana, comandado pelo comunicador Marcelo Marques, fez em março 18 anos no ar. São compostos do Programa Bacana – mais de 4 mil programas de TV com mais de 50 mil entrevistados, sendo as personalidades mais importantes do estado, artistas nacionais, empresários e políticos. O programa, exibido na RBATV nunca saiu do ar.

Também faz parte do grupo, a Revista Bacana, considerada uma das mais conhecidas no estado, o Portal Bacana News, um dos mais acessados e prestigiados e o programa de Rádio na Unama FM.


“Não fazemos só isso: as festas do Bacana são as mais concorridas não só pelo número de convidados, mas também pela categoria de quem participa, sempre prestigiada por líderes empresariais, políticos e os maiores empresários do estado”, relatou Marcelo Marques.

Através de seus projetos, Marcelo Marques já visitou 69 cidades do Estado do Pará, gravando e mostrando as coisas boas da região.

Marcelo Marques já recebeu os títulos de Cidadão do Pará pela Alepa, Cidadão de Belém pela Câmara Municipal, Personalidade de Marketing pela ADVB Associação dos Dirigentes de Venda do Brasil, e Jovem Empresário do Ano pela Associação Comercial do Pará.

“Pesquisas eleitorais já fizemos dezenas, com diversos institutos e aferindo várias cidades. Depois da última pesquisa publicada pelo Bacana News, fomos ameaçados por alguns que talvez achem que mandam em Canaã dos Carajás.
Nada no entanto muda, não nos intimidamos pelos poderosos do momento, muitos já vimos passar, alguns ficaram para a história e outros com suas administrações pífias, já foram ou vão para o esgoto.
Canaã é uma cidade paraense, mais de um bilhão de receita no último ano, portanto merece sim que o Bacana faça pesquisas, e continuará fazendo lá e onde mais achar necessário. A pesquisa em questão foi registrada no TRE como manda a lei. Se o resultado não agrada quem quer que seja, que façam gestões públicas melhores. Se não fazem, bom, aí é a população que diz”, relata Marcelo Marques, o Bacana.

Publicidade

Veja
Também