Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Bloco Cala Boca e me Beija repudia a violência contra as mulheres na avenida

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Com o tema “Homem que agride mulher, boa pessoa não é”, no Carnaval de 2020 o Cala Boca e Me Beija inovou mais uma vez e transformou a folia da festa momesca em um ato de solidariedade e respeito ao público que sempre apoia as iniciativas do bloco.

O Cala Boca e Me Beija que sempre começa suas atividades com seus brincantes muito antes da semana do carnaval, no dia 02 de fevereiro apresentou o evento denominado “Maratoma”, uma brincadeira irreverente que levou uma mensagem de cuidados a saúde e solidariedade com a arrecadação de 1 tonelada de arroz que foi doada à Fazenda da Esperança. Já no dia 15 de fevereiro foi a vez da festa de lançamento do abadá 2020 com o III Grito de Carnaval da Populares 1 e 2, festa que já faz parte do calendário oficial do Carnaval em Parauapebas.


 

“O Cala a Boca e me Beija agradece a todos os seus patrocinadores e brincantes por mais uma espetacular participação nos almoços de domingo e a linda e animada passagem na avenida, como em todos os anos, foi uma festa belíssima durante a concentração no seu tradicional recanto em baixo da Samaumeira na Rua 10 em frente aos correios. Terminado o Carnaval de 2020, já estamos nos organizando para 2021, como sempre contando com o melhor para seus brincantes e público em geral, prometendo mais surpresas que serão uma verdadeira mudança no estilo de brincar carnaval em Parauapebas”, relata Josean Brito, diretor da agremiação carnavalesca.

Publicidade

Veja
Também