Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Câmara de Parauapebas aprova licença de 30 dias para o vereador Josineto que está preso em Belém

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Mesmo passados 42 dias da prisão, o ex-presidente da Câmara de Parauapebas, vereador Josineto Feitosa (SDD) enviou ofício à Câmara Municipal de Parauapebas pedindo licença para tratar de assuntos pessoais; o que foi recebido com revolta pela população que respondeu com vaias. Mas não tiveram a mesma postura 10 dos vereadores daquela casa de Leis que votaram a favor do pedido de Josineto.

Josineto foi preso pelo Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado (GAECO), ligado ao Ministério Público do Estado do Pará. Ele é suspeito de fraudar licitações no município.


Vereadores que foram favoráveis ao pedido de licença de Josineto:

Bruno Soares (PP);
Israel Pereira Barros, “Miquinha” (PT);
José Arenes (PT);
Eusébio Rodrigues (PT);
Charles Borges (SDD);
Francisco do Amaral Pavão (SDD);
Luzinete Rosa Batista (PV);
Maridé Gomes (PSC);
Antônio Chaves, “Major da Mactra” (PSDB);

O presidente da Câmara Municipal de Parauapebas, Ivanaldo Braz, também foi à favor do pedido do vereador preso. “Ele achou amparo legal dentro do Regimento desta Casa e não vejo motivo para contrariar uma norma”, afirmou Braz.

Cópia do pedido de licença enviado à Câmara
Cópia do pedido de licença enviado à Câmara

Devanir Martins (SDD), Eliene Soares (PT) e o próprio requerente não estavam presentes à sessão, porém, a vereadora petista foi vista na Câmara de Vereadores momento antes da votação do pedido de licença e logo após deixou a Casa de Leis.

Vereadores que foram contrários ao pedido de licença de Josineto:

Os recém empossados vereadores José Marcelo Alves, “Marcelo Parceirinho” (PMDB) e Zacarias Assunção (PP) votaram contra o pedido de afastamento do vereador Josineto Feitosa. “Fui contrário por não ver algum assunto particular que um preso tenha que resolver”, explicou Marcelo Parceirinho.

Marcelo Parceirinho e Zacarias foram os únicos vereadores que votaram contra o pedido de licença que beneficia Josineto Feitosa

Josineto está oficialmente licenciado da Câmara de Parauapebas

A maioria dos vereadores da Câmara de Parauapebas aprovou o pedido de licença do vereador Josineto Feitosa por 30 dias a contar de ontem, 11, terça-feira, e caso saia da prisão sem condicionantes que o impeça, poderá reassumir a cadeira naquela casa de Leis.

Reportagem: Francesco Costa – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar
Fotos: Bariloche Silva / Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também