Canadá confirma segunda morte por coágulos sanguíneos após vacina da AstraZeneca

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A segunda morte de uma pessoa que desenvolveu coágulo sanguíneo após receber a vacina da AstraZeneca contra a covid-19, foi confirmada no Canadá, na última terça-feira, 4. A segunda vítima foi uma mulher de cerca de 50 anos, da província de Alberta.

O primeiro caso fatal de coágulos sanguíneos após a aplicação do imunizante no Canadá foi notificado em abril, na província de Quebec, com o falecimento de uma paciente de 54 anos.


Ao todo, o país relatou cinco casos de trombocitopenia imune protrombótica induzida por vacina (VIPIT).

A complicação é considerada rara e se caracteriza pela formação de coágulos sanguíneos acompanhados por uma baixa contagem de plaquetas.

veja também