Caravana de Parauapebas participará em Brasília de mobilização por CFEM mais justa

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O município de Parauapebas irá participar, em Brasília, da grande mobilização em defesa dos recursos naturais e pela aprovação, no Congresso Nacional, das três medidas provisórias que modificam a legislação minerária brasileira, especialmente a MP nº 789/2017, que eleva a Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (Cfem) de 2% para 4%, com a alíquota sendo cobrada sobre o valor bruto e não mais sobre o líquido, o que implica em maior repasse para os municípios impactados pela exploração mineral.

A mobilização começará nesta terça-feira, 21, quando a elevação da Cfem deverá ser votada no Congresso Nacional. Representantes do Pará, Minas Gerais, Maranhão, Rio de Janeiro, Goiás e outros Estados minerários estarão em Brasília, para pressionar os parlamentares a aprovar a MP 789/2017. E Parauapebas, como um dos maiores produtores de minério do planeta, não poderia fugir dessa luta, que perdura mais de 30 anos e que poderá ter resultado histórico em caso de aprovação da matéria.


O prefeito Darci Lermen, vereadores de Parauapebas, lideranças sociais do município irão se unir na capital federal às caravanas dos demais Estados. Toda a bancada federal do Pará, na Câmara e no Senado, já se comprometeu em aprovar a Cfem. Uma luta gigante, que precisa do envolvimento da população de todos os municípios explorados por empresas mineradoras; que precisa do envolvimento do povo parauapebense, que sempre foi muito guerreiro e batalhador.

Neste domingo (19), alguns ônibus sairão de Parauapebas com destino à Brasília, para que lideranças e munícipes em geral possam reforçar o manifesto à favor da aprovação da MP.

Movimento em Parauapebas:

No próximo dia 21, a prefeitura irá colocar um telão no estacionamento próximo à portaria de Carajás, para que todos os interessados em participar dessa batalha acompanhem a votação da medida provisória, no período da tarde. A Prefeitura de Parauapebas já decretou ponto facultativo para que todos os servidores públicos participem de mobilização cívica tão importante não apenas para Parauapebas, mas para o Pará e para o Brasil!

0

Publicidade

veja também