Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Casa do Aprender de portas abertas à população

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Todos sabem que quanto mais cedo a criança manter contato com os livros maior será a probabilidade de se tonar um adulto leitor. Como já dizia o poeta e cronista Carlos Drummond de Andrade “A leitura é uma fonte inesgotável de prazer, mas por incrível que pareça a quase totalidade não sente sede desta”.

Para desenvolver essa sede, ou seja, o gosto pela leitura e proporcionar momentos lúdicos aos pequenos estudantes, a Casa do Aprender recebeu na manhã desta quinta-feira, 9, alunos de uma turma do 3º ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental Josias Leão.


Recepcionados pela equipe da Casa e acompanhados pelo secretário municipal de Educação, Raimundo Neto, os alunos ficaram encantados com o que viram e ouviram na instituição. Logo no primeiro momento participaram de uma roda de leitura no auditório. Em seguida, visitaram o Cyber Café, a Brinquedoteca e por último a Biblioteca, que possui um acervo de mais de quatro mil livros.

Para a pequena Keyla Evillen Nascimento, 8 anos, o momento foi encantador e de muito aprendizado. “É a primeira vez que venho aqui. Gostei de tudo, da biblioteca, da brinquedoteca, do Cyber. Aqui a gente aprende brincando”, relatou a aluna. Kassiano Enzo Barros também possui o mesmo sentimento que sua colega de sala. “Já conheço a Casa há muito tempo. Venho aqui quase todos os dias, me divirto e aprendo muito”.

A professora Lindalva Amorim trouxe pela primeira vez seus alunos ao espaço. Para ela, a visita foi bastante proveitosa. “Assim que chegaram às portas do Cyber e a Brinquedoteca foi aberta eles ficaram eufóricos, pois são espaços que eles não têm tanto acesso. Já na roda de leitura e na biblioteca eles se contiveram mais, uma vez que utilizamos bastante esses ambientes na escola. Foi um momento muito bom, de fundamental importância para o processo de aprendizagem deles”, disse a educadora, para adiantar que próxima semana levará outra turminha para a Casa.

O secretário Raimundo de Oliveira Neto, que acompanhou de perto as atividades realizadas com a turma de alunos, ressaltou a importância da valorização de práticas educativas, culturais e sociais presentes no ambiente. “A Casa do Aprender é o resultado da união de objetivos e esforços, por um espaço bem estruturado, onde podemos promover às nossas crianças outras possibilidades de aprendizagem e momentos lúdicos, para introdução de novos valores culturais”.

A CASA DO APRENDER

A coordenadora da Casa do Aprender, Rosieth Rebouças, explica que a Casa é um espaço de aprendizagem, troca de experiências e integração social, fruto de parceria entre a Fundação Vale e a Prefeitura de Parauapebas. “Nós promovemos atividades diversificadas com foco no incentivo à leitura, como por exemplo, roda de leitura, roda de conversa, cine pipoca, leituras dramatizadas, além de realizarmos empréstimos de livros. As atividades são destinadas a diversos públicos, inclusive à comunidade”.

O principal objetivo da instituição, alegra-se a coordenadora, tem sido alcançado. “Temos buscado e conseguido resgatar o gosto pela leitura de muitas pessoas. Quem vem e desfruta das atividades ofertadas pela casa geralmente volta”.

A Casa do Aprender fica localizada na rua D, 629, bairro Cidade Nova e está de portas abertas de segunda à sexta-feira, das 8 às 18 horas, para atender todos aqueles que tiverem interesse em conhecer e frequentar o local. Para quem tem filhos, é uma excelente opção de estímulo à leitura.

Publicidade

Veja
Também