Casal é executado em propriedade rural de Canaã dos Carajás na véspera do Natal

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Um bárbaro crime chocou Canaã dos Carajás nesta sexta-feira (24), véspera de Natal. Um casal de pioneiros do município, João Valadares, 58 anos, e Anita Valadares, 54, foram assassinados em sua propriedade, na Vila Feitosa. O crime ainda é um mistério.

Anita e João estavam sumidos desde a noite de quarta para quinta-feira, quando João acessou o WhatsApp pela última vez. Desde então, os dois não atendiam aos telefonemas da família e não respondiam às mensagens. Preocupados, alguns familiares foram até a fazenda do casal. Os dois foram encontrados mortos e os corpos já estavam em decomposição.


A cena do crime era chocante e a filha caçula do casal foi quem os viu primeiro. Anita foi encontrada descalça, o que indica que foi surpreendida pelos criminosos. Não há sinais de luta corporal, nem de invasões na propriedade. O casal provavelmente foi assassinado a tiros, mas ainda não há laudo médico.

O principal suspeito de ter cometido o crime é o vaqueiro que atendia a propriedade, identificado até o momento como Cleiton. Ele, que morava na propriedade junto com a mulher e a filha, não é visto há alguns dias, o que levanta suspeitas. A família ofereceu recompensa de R$ 10 mil para quem encontrá-lo.

 

Vaqueiro Cleiton, suspeito do crime

veja também