Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

CDL Parauapebas divulga nota pela morte de Altamiro Borba

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A CDL- PARAUAPEBAS, por intermédio de sua Diretoria, vem a público externar absoluto repúdio aos atos de violência ocorridos na agência da Caixa Econômica Federal de Parauapebas na data de 22/07/2013.

A CDL PARAUAPEBAS informa, com grande pesar a sociedade parauapebense, que nesta data, em virtude de um assalto ocorrido na agência da Caixa Econômica Federal, veio a ser assassinado o Sr. ALTAMIRO BORBA, grande membro de nossa sociedade, que deixa enorme saudade aos amigos, à família e a toda a comunidade, haja vista ter sido um cidadão honesto e zeloso, cumpridor de suas obrigações como cidadão.


A CDL-PARAUAPEBAS esboça ainda a grande insegurança à qual está exposta a sociedade de Parauapebas, ante a inexistência de um policiamento efetivo e capaz de evitar tais atos criminosos.

A CDL-PARAUAPEBAS espera que a impotência frente à perda irreparável do Sr. ALTAMIRO BORBA não venha calar o nosso clamor por justiça.

Exigimos das nossas autoridades todo empenho na investigação e punição aos culpados deste crime como forma de restaurar a dignidade não só daqueles que conviviam com o Sr. ALTAMIRO BORBA, seus familiares, seus amigos, mas de toda sociedade, que se vê a mercê de tamanha barbárie.

Por fim, queremos demonstrar nosso total apoio à família do Sr. ALTAMIRO BORBA que, desde já sabemos, se encontram em luto permanente. E que possamos respeitar essa condição.

Sendo assim, a CDL-PARAUAPEBAS condena todo e qualquer ato de violência perpetrado, requerendo a identificação e responsabilização dos criminosos, bem como que este fato não tenha ocorrido apenas para acrescer as estatísticas de violência sofridas em nossa cidade, mas que passe a ser um marco para que tais atos não mais ocorram, requerendo às autoridades que seja imediata a reação e ação pela segurança tão almejada, haja vista ser direito constitucional irrevogável e irrenunciável.

Parauapebas, 22 de julho de 2013

Câmara de Dirigentes Lojistas de Parauapebas

Publicidade

Veja
Também