Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Celpa responde a 10 mil ações judiciais questionando as contas de energia no Pará

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ma força-tarefa investiga a Concessionária de Energia Elétrica no Pará – Celpa após uma série de abusos contra os consumidores na manhã desta terça-feira (2).

Estão incluídos membros do Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual, Defensoria Pública da União e Defensoria Pública do Estado, que irão apurar as investigações.


Em 2018, a Celpa teve 17 mil reclamações dos usuários, além de 10 mil ações judiciais questionando as contas de energia no Pará.

A Rede Celpa encaminhou uma nota ao Portal Pebinha de Açúcar, confira abaixo na íntegra:

“Sobre a coletiva de imprensa realizada pelos Ministérios Públicos Federal e Estadual e as Defensorias Públicas da União e do Estado, a Celpa informa que recebe com a devida atenção todos os questionamentos realizados a respeito dos seus procedimentos. A distribuição de energia elétrica é uma concessão de serviço público e é dever da Concessionária prestar contas à sociedade e a todos os órgãos de defesa do consumidor a respeito da regularidade dos serviços prestados. A empresa reafirma que todas as suas práticas e procedimentos comerciais são pautados na regulação da Agência Nacional de Energia Elétrica e na legislação de defesa do consumidor, portanto, a proposição destas ações judiciais será uma oportunidade de esclarecer a regularidade de suas ações. Como é sua prática, a Celpa reitera que continua à disposição dos órgãos de defesa do consumidor para discutir qualquer melhoria dos seus procedimentos, buscando sempre prestar um melhor serviço aos consumidores paraenses”.

Publicidade

Veja
Também