Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Central das Cooperativas esclarece sobre propaganda indevida no transporte coletivo de Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

CENTRAL DAS COOPERATIVAS DE TRANSPORTE DE PARAUAPEBAS – CENTRAL, pessoa jurídica, inscrita no CNPJ sob o nº 13.374.609/0001-72, estabelecida no Loteamento Industrial Sol Nascente, Lotes 12 e 13, Bairro Sol Nascente, Parauapebas – PA – CEP 68515-000, por intermédio de seu representante legal, vem respeitosamente divulgar a seguinte nota de esclarecimento:

 


NOTA DE ESCLARECIMENTO

“A Central das Cooperativas de Parauapebas, atual prestadora dos serviços de transporte público no município de Parauapebas – PA, vem informar sua nota de repúdio aos acontecimentos ocorridos no último dia 29 de junho, acerca das propagandas desautorizadas nos ônibus que realizam o transporte coletivo no município.

Informamos que contratamos uma prestadora dos serviços de exploração visual publicitária, que possuía como obrigação contratual respeitar a dignidade humana a moral e os valores familiares, cláusula que fizemos questão de explicitar. Ocorre que por culpa exclusiva da empresa contratada, sem qualquer autorização da Central, a empresa veiculou propagandas totalmente contrárias ao contrato celebrado.

Cabe ressaltar que a Central já retirou todas as propagandas contrárias ao contrato e, já estamos providenciando todas as medidas legais para reparar os danos causados.

A Central ratifica que é formada por cidadãos parauapebenses trabalhadores, que tem se esforçado para dar o melhor serviço à população e que após a exaustiva jornada de trabalho, retornam para o seio de suas famílias. Por isso, não aceitam nada que atentem contra os mandamentos de Deus e da família, recebendo com grande lamentação a situação que não fora por ela provocada.

Nosso profundo desapontamento e nossa desculpa a todo povo parauapebense a quem devemos o total respeito e reconhecimento, que tal desatento não ficará sem as respectivas penas legais”.

Jovelino Mendes do Amaral

Presidente da Central das Cooperativas de Transporte de Parauapebas

Publicidade

Veja
Também