Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Coluna do Lima Rodrigues – 12 de novembro de 2020

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Dirceu Filho, diretor da Valeu Boi Leilões que comemorará 10 anos de atividades dia 21 de novembro em Rio Maria (PA)

 

Valeu Boi Leilões realizará mais um mega Leilão para comemorar 10 anos de atividades


A Valeu Boi Leilões comemorará 10 anos de atividades no sul do Pará com a realização de um mega leilão dia 21 de novembro a partir de 12h em Rio Mara. Sinônimo de credibilidade e respeito em se tratando de agronegócio, especialmente no que se refere aos mega leilões de gado de corte, “a Valeu Boi Leilões ofertará mais de 5 mil animais – que estarão no recinto – e o leilão será presencial e virtual”, de acordo com o pecuarista Dirceu Filho.

Os leilões da Valeu Boi já são tradição em Rio Maria e apresentam grande quantidade animais de corte. Além disso, permitem aos pecuaristas que querem comprar ou vender seus rebanhos realizar ótimos negócios com segurança e tranquilidade.

É unânime entre todos os pecuaristas do sul e sudeste do Pará que o 10º Leilão da Valeu Boi dia 21 de novembro será sucesso total e mais uma vez deverá gerar milhões de reais em negócios, fortalecendo ainda mais o agronegócio paraense.

Equipe da UFRJ conquista o primeiro lugar no Vacathon 2020

 Depois de oito dias, noites e madrugadas de trabalho intenso, dividido entre criação, mentorias, elaboração de projeto e apresentação do produto, o Vacathon 2020, maratona de inovação da Embrapa Gado de Leite premia as 3 melhores soluções para os desafios da cadeia leiteira. A equipe campeã foi a Mimosa, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, que apresentou a UaiCup, uma caneca que para análise da qualidade do leite, rastreio de antibióticos e outras vantagens para o pequeno e médio produtor.

A medalha de prata ficou com a equipe Lac Tech da Esalq, da USP, de São Paulo, que desenvolveu a Moopocket, um aplicativo para balança que armazena os dados do animal desde o nascimento até a vida adulta, proporcionando maior controle de dados. O terceiro lugar foi para a equipe Cow of Duty, da Unochapecó e Parque Científico e Tecnológico Chapecó@, de Santa Catarina, que criou o Owner View, aplicativo baseado em redes neurais que promete mais precisão na detecção de cio, o que resulta no aumento do sucesso nas inseminações.

Solução para o bolso dos pequenos produtores

UaiCup é uma tecnologia baseada nos fundamentos da IoT (Internet of Things) e tem como objetivo aumentar o ganho de cerca de 800 mil produtores (pequeno e médio porte) através do controle da qualidade do leite e da redução do descarte de leite por uso de antibióticos. Basta colocar 100ml de leite na caneca que os algoritmos processam as informações do leite e o produtor recebe um relatório completo sobre a qualidade do produto. Os dados ficam armazenados no aplicativo, facilitando o controle da produção através de histórico e análises mais aprofundas. As análises são feitas em vários compartimentos diferentes da UaiCup. Parte do leite analisado é armazenado em um compartimento na alça da caneca e pode ser usado para reamostragem ou contraprovas. Segundo a equipe Mimosa, ao diferencial da UaiCup é a capacidade de fazer mais análises ao mesmo tempo, menor custo e tecnologia embarcada no dispositivo. Além disso, faz a triagem de antibióticos por animal, individualmente, em poucos minutos. Laura Bahiense é professora da UFRJ e, juntamente com o professor Cláudio Miceli de Farias, coordenou os trabalhos da equipe Mimosa. Para Laura, o evento é muito importante em vários aspectos: “A participação no Vacathon trouxe um grande aprendizado para os alunos, não  apenas sobre os desafios enfrentados pela cadeia do leite, mas também pela oportunidade de competir em grupo: eles souberam respeitar e valorizar as diferentes habilidades de cada elemento do grupo, e com isso geraram um ambiente de trabalho solidário, criativo e motivante. Foi muito bacana ver isso acontecer”, comemorou.

Votação

Os 35 times apresentaram suas ideias durante todo o dia e foram avaliados por cerca de 160 juízes, que fazem parte da cadeia do leite e ecossistema de inovação no Brasil. Os critérios usados para avaliação dos projetos foram: impacto econômico, visão de futuro, barreiras de entrada e desenvolvimento e execução da proposta.

Paralelamente, houve participação das torcidas através de uma votação simbólica que atingiu a incrível marca de 42 mil votos, provando que o Vacathon mobilizou as universidades, chegou a todos os cantos do país, atravessou as fronteiras e cruzou o Atlântico.

O Chefe-geral da Embrapa Gado de Leite, Paulo Martins, afirmou a importância do trabalho de equipe e agradeceu a todos os realizadores e patrocinadores que estiveram presentes durante o evento. Ele lembrou a mudança de planos ocorrida com a chegada da pandemia e o comprometimento de todos para a realização do evento em um novo formato. “O formato virtual nos proporcionou receber as equipes da Argentina e de Angola, tenho certeza de que eles vieram para ficar. Aprendemos que é possível estarmos juntos apesar de estarmos distantes”, explicou Paulo Martins.

Chefe-adjunto de Pesquisa & Desenvolvimento da instituição, Pedro Arcuri, ressaltou a importância da colaboração dos 106 mentores que fazem parte do ecossistema de inovação da cadeia do leite, fundamentais para a construção das soluções mostradas durante a maratona de inovação. Desejou sorte aos vencedores e deixou um recado importante: “Aqueles que hoje não são os vencedores, persistam e insistam, pois é dessa forma que caminhamos para o empreendedorismo”, finalizou Pedro Arcuri.

Indústria do leite no Brasil

Segundo a Embrapa Gado de Leite, o Brasil é o quarto país no mundo em produção leiteira, gerando 34,8 bilhões de litros de leite inspecionado em 2019, registrando 2,7% de aumento frente a 2018. Em 2019, a cadeia leiteira empregou 4 milhões de trabalhadores no país e 1,1 milhão de produtores gerando um faturamento estimado de R$ 105 bilhões.

Quem faz o Ideas For Milk

O Ideas for Milk é uma realização da Embrapa Gado de Leite, em parceria com Agripoint, Bovcontrol, Ciatécnica, Texto Comunicação. Conta com o Patrocínio Diamante do Sebrae; Patrocínio Ouro da Tetrapak, Boehringer Ingelheim, TIM; Patrocínio Prata da Vaccinar, FAEMG/Inaes, Sistema Ocemg, Ssistema OCB, Silemg e Patrocínio Bronze da Nestlé, CLAAS, DSM/Tortuga, ABDI, JA Saúde Animal, Piracanjuba, Vivalácteos, Belgo Bekaert, SENAR/GO, ABIQ, Alta Genetics, Abraleite e Vivare. Apoio da Microsoft, KER Innovation e Revista Balde Branco. (Material enviado para a coluna pela Supervisão de Comunicação e Marketing do Centro Nacional de Pesquisa de Gado de Leite – Embrapa Gado de Leite Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Juiz de Fora – MG.

Contratação do crédito rural chega a R$ 92,6 bilhões entre julho e outubro, com crescimento de 21%
As contratações de crédito rural dos produtores, cooperativas e agroindústrias aumentaram 21% nos quatro primeiros meses do Plano Safra 2020/2021 (julho a outubro), em relação ao mesmo período do ano passado. Conforme divulgação do balanço do desempenho do crédito rural divulgado nesta sexta-feira (6) pela Secretaria de Política Agrícola (SPA) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o valor total da contratação em 2020 foi de R$ 92,63 bilhões.

Os médios produtores – Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor (Pronamp) – contrataram R$ 12,78 bilhões e os agricultores familiares – Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) – pegaram financiamento de R$ R$ 15,32 bilhões.

Os financiamentos de custeio atingiram R$ 52,42 bilhões, aumento de 16%, sendo que as contratações do Pronamp ficaram em R$ 11,56 bilhões (+8%) e a do Pronaf alcançou R$ 8,27 bilhões (+17%). As contratações de investimentos totalizaram R$ 26,48 bilhões. Os médios produtores participaram com R$ 1,22 bilhão (+15%) e de R$ 6 bilhões (+18%) os agricultores familiares.

Segundo o diretor do Departamento de Crédito e Informação do Mapa, Wilson Vaz de Araújo, o continuado aumento da demanda de crédito rural, de maneira especial para investimentos, apesar dos efeitos decorrentes da pandemia do Covid-19, está relacionado ao desempenho da produção de grãos estimada em 268 milhões de toneladas para atual safra. (Fonte: Ministério da Agricultura).

Vote com responsabilidade

Domingo, 15 de novembro, exerça sua cidadania e vote consciente. Evite aglomeração, leve sua caneta esferográfica e use álcool em gel antes e depois de votar. A eleição será realizada das 7 às 17h, sendo que das 7 às 10h será dada prioridade para quem tem acima de 60 anos de idade.

 
 

 

 

 

   

 

Publicidade

Veja
Também