Coluna do Lima Rodrigues – 19 de janeiro de 2020

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O pecuarista Roberto Paulinelli, este colunista, e o pecuarista Marco Antônio MAAB, de Uberaba (MG), no Encontro de Muladeiros de 2020

Encontro Nacional de Muladeiros é adiado para janeiro de 2022

O 14º Encontro Nacional de Muladeiros que – sem pandemia – ocorreria na última semana de janeiro em Iporá (GO), não será realizado este ano e já ficou pré-acertado pela nova diretoria para acontecer, possivelmente, em janeiro de 2022. A informação é do ex-presidente da Associação dos Muladeiros do Oeste Goiano (Amog), William Alves, em conversa, por telefone, na noite de segunda-feira, com este colunista. Ele disse que “a nova diretoria achou por bem deixar o Encontro de Muladeiros para o ano que vem porque o governo de Goiás, para evitar aglomerações, decidiu suspender todos os eventos no estado até julho deste ano, por causa da pandemia da covid-19”.


No ano passado, a convite de William Alves, e com o patrocínio do Frigorífico Rio Maria (PA), a equipe do Conexão Rural (Rede TV de Parauapebas e TV Web O Progresso, de Imperatriz) fez uma ampla cobertura do 13º Encontro Nacional de Muladeiros.

Muladeiros de todo o Brasil participam do Encontro Nacional em Iporá, que neste ano não ocorrerá por causa da pandemia

 

Davi Melo passa a ser presidente da Associação dos Muladeiros

Uma das entidades de mais atuação em Iporá passa por renovação de diretoria. A Amog (Associação de Muladeiros do Oeste Goiano), a entidade que faz o maior evento de divulgação do nome de Iporá, está com novo presidente. Ele é Davi Elkson de Melo, muladeiro de muita atuação nesta área e na defesa em geral das tradições do meio rural.

Na quarta-feira (13 de janeiro), em conformidade com o seu Estatuto, a Amog fez sua eleição interna, uma vez que Wilismar (William) Alves Rosa cumpriu seu período a frente da entidade.

A reportagem falou com o novo presidente da Amog, o qual nos disse que “vai manter tudo que a entidade tem de bom e avançar em outras conquistas”. Afirmou que “o grande evento do Encontro Nacional de Muladeiros só será realizado quando houver as condições ideais de saúde pública”.

O muladeiro Davi Elkson de Melo é o novo presidente da Amog

 

Davi Melo anunciou sua equipe de diretoria. Ele tem Valdjan Terêncio como vice e Túlio Rezende como tesoureiro. O Túlio Cabral é o secretário. (Fonte: https://www.oestegoiano.com.br/).

Roberto Paulinelli

O empresário e pecuarista Roberto Paulinelli, do Frigorífico Rio Maria, Fazenda JP e Haras Santos Reis, em Rio Maria, no sul do Pará, é um dos maiores apoiadores do Encontro de Muladeiros em Iporá.

Apaixonado por mulas, Roberto convida vários amigos para o Encontro todos os anos, além de levar suas mulas para competir no evento, sempre com uma competente equipe de muladeiros.

Em conversa com este colunista, o mineiro de Bambuí, Roberto Paulinelli, que é primo do ex-ministro da Agricultura, Alisson Paulinelli, disse que “o pessoal da diretoria da Amog gostou da reportagem feita pelo Conexão Rural” e destacou que “gostaria de contar com a nossa presença no Encontro de Muladeiros em janeiro de 2022 ou em data a ser anunciada oficialmente”. Convite feito. Convite aceito.

Iporá, a pequena cidade de Goiás que é a Capital dos Muladeiros

Em janeiro de 2020, publiquei aqui na coluna detalhes sobre a pujante Iporá e falei do evento do ano passado e faço questão de repetir um trecho do texto publicado:

Iporá, a 216km de Goiânia, no oeste de Goiás, tem apenas 40 mil habitantes, foi fundada há 71 anos (agora 72 anos), e é considerada a Capital dos Muladeiros. De 21 a 26 de janeiro (do ano passado) a aconchegante cidade se transformará em sede do Encontro Nacional de Muladeiros. A programação é extensa e começa dia 21 de janeiro com a chegada dos animais que vem de vários municípios de Goiás e de outros estados como o Pará, Tocantins, Minas Gerais e São Paulo.

Durante todo dia haverá exposição de animais, de equipamentos, vestuário, veículos e de outros produtos ligados aos apaixonados por muares. No período do encontro, o parque agropecuário de exposições da cidade recebe entre 5 mil e 6 mil pessoas por dia.

São de 200 a 250 animais participando de cerca de 800 provas durante todos os dias da festa, além de Corrida de Cavalo, que reúne de 15 a 20 animais.

 A Associação de Muladeiros do Oeste Goiano foi fundada no ano de 2008 por um grupo de amigos que tinham em comum a paixão por muares. Determinados a unir essa paixão com os quatro cantos do Brasil, criaram o 1º Encontro Nacional de Muladeiros. A partir de então, a paixão só cresceu, assim como a tradição e o respeito adquirido ao longo dos mais de 10 anos de eventos e história da associação. Hoje, a AMOG possui reconhecimento no Brasil todo e até fora dele, levando o nome da cidade de Iporá-Goiás e a paixão por muares por onde passa”. (Fonte: site oficial da AMOG).

Mais de 197 mil agricultores familiares vão receber benefício do Garantia-Safra de 2019/2020

Mais de 197 mil agricultores familiares, de oito estados, irão receber pagamento do Garantia-Safra referente à safra 2019/20. A Portaria SPA/MAPA Nº 2, que determina o pagamento, foi publicada nesta segunda-feira (18) pela Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Neste mês, receberão o pagamento agricultores de Alagoas, da Bahia, do Ceará, Maranhão, de Minas Gerais, da Paraíba, de Pernambuco e do Piauí. O montante autorizado chegará a mais de R$ 168 milhões.

Diante do cenário imposto em relação a pandemia do Covid-19, será mantida, de forma excepcional, a antecipação do pagamento das parcelas do benefício Garantia-Safra, na safra 2019/2020. O pagamento será feito integralmente em parcela única de R$ 850.

O Garantia-Safra tem como objetivo garantir a segurança alimentar de agricultores familiares que vivem em regiões sistematicamente com estiagem ou enchente levando à perda da safra. Têm direito a receber o benefício os agricultores com renda mensal de até um salário mínimo e meio, quando tiverem perdas de produção em seus municípios igual ou superior a 50%. O Garantia-Safra é disponibilizado obedecendo o calendário de pagamento dos benefícios sociais.

Notificação de agricultores com benefício bloqueado

Com a disponibilização do serviço “Solicitar Requerimento de Defesa após Bloqueio do Benefício Garantia-Safra”, na plataforma gov.br, os agricultores que tiveram a concessão do benefício bloqueado nos municípios autorizados a efetuar o pagamento em janeiro deste ano, devem cumprir as orientações dispostas na Portaria Nº 25, de 8 de julho de 2020 para regularização do benefício.

Caso o benefício esteja bloqueado, o agricultor deve acessar o seu perfil no Sistema de Gerenciamento do Garantia-Safra e verificar o motivo do bloqueio por meio da notificação que consta no perfil. O agricultor terá até 30 dias, após a publicação da Portaria que autoriza o pagamento do benefício, para se manifestar quanto o bloqueio.

A relação dos agricultores com benefício bloqueado, de forma cautelar, será encaminhada pelas coordenações estaduais aos gestores municipais. (Fonte: Ministério da Agricultura).

Viva São Sebastião

Hoje, 20 de janeiro, é dia de São Sebastião, padroeiro de Parauapebas (PA), da cidade do Rio de Janeiro e tantas outras cidades pelo Brasil afora.

Por causa da pandemia, neste ano não haverá a tradicional Reza de São Sebastião na Fazenda Canto de Areia, no município de Araguatins (TO). Haverá só um terço com a presença dos irmãos Piassaba. A reza foi realizada por 104 anos ininterruptos. Começou com a avó da tia Sebastiana e depois com a mãe dela, dona Rita. A tia Sebastiana morreu em fevereiro de 2019.

Dependendo da situação da pandemia, meus primos poderão voltar a realizar a reza de São Sebastião a partir de 2022. Vamos torcer.

Publicidade

veja também