Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Coluna do Lima Rodrigues – 19 de outubro de 2020

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Alexandre Trajano, Lima Rodrigues e Carlão

Realizado 2º Torneio Leiteiro de Vila Nova dos Martírios

O povoado Marreco, no município de Vila Nova dos Martírios, e não tão longe de Imperatriz, no Maranhão, é um local pacato e tranquilo, mas bem forte na pecuária de leite. A 3km do aconchegante povoado, na Fazenda Boa Vista, alguns produtores rurais da região se reuniram para uma confraternização bem rural:  o 2º Torneio Leiteiro, que ocorreu de 7 a 10 de outubro, ou seja, de sábado a domingo, promovido pela Cooperativa dos Agricultores Familiares e Solidária – Coafes-VNM.


O dono da Fazenda Boa Vista é o capixaba Gerson Leodônio, que veio da cidade de Montanha (ES) há 40 anos e há 36 anos está na mesma propriedade. Em uma área de 80 alqueires, o produtor Gerson cria gado e porcos. Ele tem um enorme carinho pelos suínos.

Ao lado do coordenador geral do torneio leiteiro Alexandre Trajano, Gerson Leodônio disse que “estava muito feliz em receber os amigos em sua fazenda para esse importante Torneio Leiteiro”.

E o Alexandre agradeceu o apoio do amigo Gerson e a presença dos demais participantes, incluindo pecuaristas de Rondon do Pará, que participaram do evento ou foram lá prestigiar o torneio.

Imperatriz

Natural de Imperatriz, mas criado na fazenda em Vila Nova dos Martírios, comandada pelo pai, Nonato Trajano, Alexandre Trajano é um apaixonado por gado de leite. Após cumprimentar os amigos, entre os quais o pecuarista Carlos Magno, o “Carlão”, de Rondon do Pará, e colocar a prosa em dia, Alexandre checa tudo em seus mínimos detalhes e ajuda até carregar ração para o gado.

A esposa do Alexandre, Layana  Zucatelli Trajano, preparou um café especial para os convidados. No cardápio, sucos de goiaba, acerola e caju, café com leite, melancia, banana, pão, pão de queijo e salgados variados.

O representante de uma das empresas apoiadoras, a Tortuga, de Imperatriz, Felipe Siqueira, disse que “é sempre importante participar desse tipo de evento, para levar conhecimento para os produtores”.

Wesley Matos, Engenheiro Agrônomo da Matsuda também na região de Imperatriz, destacou a importância da realização do torneio “para levar informações técnicas visando o aumento da produção de leite no município”.

Competição

Tudo pronto. Começa o torneio leiteiro com a participação de oito produtores rurais, sendo dois de Rondon do Pará, e os demais de Vila Nova dos Martírios mesmo. Cinco novilhas e nove vacas participaram da disputa.

E para iniciar a ordenha, é preciso fazer a limpeza das tetas das vacas com todo cuidado. O leite é tirado com ordenhadeiras mecânicas.

Os participantes do torneio, assim como o Alexandre Trajano, fazem a ordenha com muito carinho em respeito às vacas. O Alexandre concorreu com três vacas e uma novilha.

O pecuarista José Ribamar Gomes, que faz parte da Coafes, a cooperativa dos agricultores de Vila Nova dos Martírios, disse que “o torneio leiteiro acaba sendo uma motivação para todos os produtores de leite da região e traz novos conhecimentos para todos”. Ele destacou ainda que “os produtores precisam se profissionalizar mais, juntamente com seus funcionários”.

A cerimônia de premiação foi muito festiva e contou com a presença de familiares e amigos dos produtores rurais do município de Vila Nova dos Martírios. Alexandre Trajano, o organizador do torneio leiteiro, agradeceu a presença de todos e o apoio dos patrocinadores e destacou que “a meta da Coafes é promover outros torneios e eventos que tragam conhecimento para os cooperados”.

O pecuarista Carlão anunciou os nomes dos vencedores.

Confira a relação dos vencedores:

Categoria Vaca:

Campeã

Animal: Quixaba (31kg e meio de leite – em média).

Proprietário: Carlos Magno – Carlão

Fazenda Fortaleza – Rondon do Pará

Vice-campeã:

Animal: Xita

Proprietário: Alexandre Trajano

Trajano Agropecuária

Vila Nova dos Martírios

3º lugar:

Animal: Serra Grande

Proprietário: José Ribamar

Fazenda – Vila Nova dos Martírios

4º lugar

Animal: Mariquinha

Proprietário: Alexandre Trajano

Agropecuária Trajano – Vila Nova dos Martírios

Categoria Novilha

Campeã

Animal: Safira (34 km de leite – em média)

Representante do proprietário: Alan Deivid

Fazenda: Costa Rica

Rondon do Pará

Vice-campeã

Animal: Amanda

Proprietário: Adriano Trajano

Agropecuária Trajano

Vila Nova dos Martírios

3º lugar

Animal: Jety

Proprietário: Alexandre Trajano

Vila Nova dos Martírios

4º lugar

Animal: Rainha

Proprietário: Jesso Leodônio (Único participante a não usar a ordenha mecânica e a tirar o leite de forma manual).

O produtor rural Valdemar de Sousa Cunha, de Rondon do Pará, disse que “os produtores aprendem muito com um evento leiteiro sobre a forma de se tratar os animais e como produzir mais com menos custo”

Já o presidente da Cooperativa dos Agricultores Familiares e Solidária de Vila Nova dos Martírios (Coafes), Nonato Trajano, afirmou que “o torneio leiteiro traz mais conhecimentos para os produtores rurais” e destacou que “todos devem se preocupar com a alimentação das vacas, porque a vaca só produz bem se de fato se alimentar muito bem”.

Após a premiação foi servido um delicioso almoço para os convidados e participantes do Torneio Leiteiro, incluindo uma leitoa e um carneiro preparados pelo Rodrigo Oliveira (Engenheiro agrônomo) e pelo Júnior Rodrigues (Representante comercial).

A parte musical do Torneio Leiteiro ficou por conta do cantor Ari Oliveira, morador de Vila Nova dos Martírios.

 

 

Publicidade

Veja
Também