Publicidade

Coluna do Lima Rodrigues – 27 de fevereiro de 2019

Lima Rodrigues – Colaborador do Portal Pebinha de Açúcar

Em 2019, ABMRA completa 40 anos e promoverá Mostra de Comunicação e Congresso de Marketing do Agronegócio

No ano em que completa 40 anos de atuação, a Associação Brasileira de Marketing Rural e Agronegócio (ABMRA) programa uma série de iniciativas importantes para as empresas e profissionais das diversas cadeias do agronegócio.


Em maio, será realizada a XVIII Mostra de Comunicação ABMRA, que objetiva valorizar, destacar e fomentar soluções criativas em marketing e comunicação do agronegócio.

No segundo semestre do ano, será realizado o 13º Congresso Brasileiro de Marketing Rural, que colocará em discussão e análise os temas mais importantes da comunicação e do marketing do setor produtivo.

“2019 será um ano intenso para a ABMRA. Além de comemorar quatro décadas de contribuição ao marketing e à comunicação do campo, a entidade promoverá seus dois mais importantes eventos em reconhecimento às empresas, às agências e aos profissionais que contribuem para mostrar a força do campo, um negócio responsável por 24% do PIB nacional”, destaca Jorge Espanha, presidente da ABMRA.

Pesquisa Hábitos do Produto Rural

Espanha explica que o foco do trabalho em 2019 também será a 7ª Pesquisa Hábitos do Produtor Rural ABMRA, o mais completo raio-x do setor, com os hábitos de compra, consumo e comunicação de agricultores e produtores de alimentos de origem animal, que “mostra a expressiva conectividade no campo, a crescente relevância da mulher e o nível de formação dos profissionais, entre outros temas”.

O presidente também destaca o apoio da ABMRA a importantes eventos do agronegócio, contribuindo para mostrar a força do campo.

“A ABMRA conta com representantes dos mais variados segmentos das cadeias de alimentos e tem como compromisso enaltecer a força e a imagem do agronegócio, incluindo o seu enorme poder de impacto na economia nacional. Somos referência mundial em produção de alimentos e devemos externar esse fato não somente internamente, mas também em âmbito global”, assinala o presidente da ABMRA.

“Uma das prioridades da ABMRA e do seu corpo de especialistas associados é compartilhar os dados que fazem do agro brasileiro um segmento indispensável para o sucesso da economia nacional. Nesse sentido, estamos abertos à contribuição de todos os profissionais e organizações que desejam o mesmo que nós: a grandeza e o sucesso do agronegócio”, afirma Jorge Espanha. (Texto Comunicação Corporativa – SP).

NOVO MARCO PARA CERTIFICAÇÃO HALAL

Países Árabes concordam com o Novo Marco para Certificados Halal de Reconhecimento Mútuo. Segundo o governo dos Emirados Árabes Unidos, esse primeiro passo visa a estabelecer um sistema alimentar Halal único para aumentar a competitividade dos alimentos certificados Halal nos mercados internacionais.

O anúncio foi feito no pavilhão da Organização de Desenvolvimento Industrial e Mineração Árabe, durante a 4ª Global Halal Industry Platform, organizada pela Emirates Authority for Standardization and Metrology (ESMA) e a Siil Halal, uma das mais importantes certificadoras Halal do Brasil, sediada em Chapecó (SC), esteve presente nesse encontro.

De acordo com a gerente de marketing e vendas internacional da Siil Halal, Dalal Darwiche, com esse avanço, os Emirados Árabes Unidos pretendem globalizar a indústria Halal. Segundo ela, “dados disponibilizados recentemente pela Organização de Cooperação Islâmica (OIC) apontam que o mercado de alimentos e bebidas Halal deverá atingir o valor de US$ 2,5 trilhões somente neste ano”.

UU$ 50 bilhões

Os Emirados Árabes foram o primeiro país a estabelecer e implementar o sistema alimentar Halal do mundo, com padrões e práticas nas áreas de acreditação, certificação e avaliação. “Esse passo vem acompanhado de práticas e regulações de um mercado que importa US$ 50 bilhões em produtos Halal e que espera atingir US$ 3 trilhões até 2023”, destaca Dalal.

A empresaria lembra que atualmente mais de 1,6 bilhão de mulçumanos consomem produtos Halal ao redor do mundo. “Fazemos questão de estar próximos a essas discussões, se mantendo atualizados, para dar suporte aos nossos clientes e empresas interessadas em investir no mercado islâmico, oferecendo serviços de excelência, o que nos torna uma das mais proeminentes empresas especializadas em certificação Halal do Brasil”.

Sobre a Siil Halal: A Siil Halal é uma empresa especializada em Serviço de Inspeção Islâmica, que atua como Certificadora Halal. O trabalho inicia desde o projeto da linha de produção até a embalagem de produtos permitidos para consumo islâmico, envolvendo, ainda, a fiscalização no cumprimento das normas e regras ditadas pelo Alcorão Sagrado e pela Jurisprudência Islâmica. (Release enviado pela coluna pelo jornalista Arthur Rodrigo Moura, da assessoria de imprensa).

CFM vendeu 1.353 touros Nelore CEIP para 14 estados, em 2018. Alguns pecuaristas são do Maranhão, Pará e Tocantins.

Com o objetivo de melhorar cada vez mais o rebanho de suas fazendas, pecuaristas do Maranhão, Pará e Tocantins estão sempre adquirindo touros Nelore CEIP* em São Paulo e uma das empresas preferidas é a CFM Agro-Pecuária, que tem sede em São José do Rio Perto (SP).

A CFM vendeu 1.353 touros Nelore CEIP em 2018. Esse excelente resultado foi obtido com a realização de três leilões entre os meses de agosto e novembro (Megaleilão Nelore CFM, Bull Trade e Virtual CFM), além das vendas efetuadas diretamente nas fazendas do grupo. Em 2018, a CFM comercializou touros para 14 estados brasileiros. Foram mais de 100 clientes atendidos, espalhados por MS, MT, PA, GO, MG, SP, TO, PR, MA, AM, AL, RJ, RN e RO.

“O ano de 2018 foi marcado por incertezas e cautela nos investimentos, mas, novamente, a fidelidade de nossos clientes garantiu um excelente resultado de vendas à CFM”, comenta Tamires Neto, gerente de pecuária da CFM.

A expectativa da CFM para 2019 é de um ano com maior valorização do boi gordo e, por consequência, da genética de qualidade. “Já podemos notar confiança maior dos pecuaristas, o que significa boas perspectivas para a cadeia da carne bovina como um todo”, destaca Neto.

*O que é o CEIP?

É o Certificado Especial de Identificação e Produção (CEIP) criado pelo MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) e que garante que o animal que o recebe apresenta desempenho produtivo muito superior à média dos animais de sua geração. (Texto Comunicação Corporativa – São Paulo).

Edelson Moura na TV

Os que têm mais de 40 anos, quando crianças ou adolescentes, no Pará, Tocantins, Maranhão e na região norte como um todo, ouviam todo dia pela manhã na Rádio Nacional da Amazônia (da antiga Radiobrás, hoje EBC), um locutor chamado Edelson Moura, que ao lado de sua companheira de programa, Márcia Ferreira (grande cantora), faziam a alegria do povo amazônico.

O programa fazia tanto sucesso que os dois viajam pela região norte todo fim de semana para fazer shows a convite de prefeitos, governadores e empresas.Os garimpeiros de Serra Pelada ficam doidos com os shows dos dois artistas. E um detalhe: eram protegidos pela Polícia Militar porque os fãs queriam tocá-los, agarrá-los, beijá-los e abraçá-los. Eram verdadeiros ídolos de paraenses, maranhenses, pessoal do norte de Goiás, hoje Tocantins, e dos demais estados do norte do país.

Convivi com eles quando entrei na Rádio Nacional de Brasília como estagiário em 1983. Às vezes, participava do programa como repórter. E isto se repetiu por muitos anos. Era um tempo bom.

Edelson Moura e Márcia Ferreira, assim como outros locutores da Rádio Nacional da Amazônia (Paulo Torres, Maurício Fares, José Nery, Tia Leninha, entre outros) faziam muito sucesso.

Márcia Ferreira se destacou no Brasil como suas lambadas.Edelson Moura continuou no rádio e depois montou suas próprias emissoras. Atualmente, seus programas de rádio de madrugada são transmitidos por emissoras de todo o país. E ele vem fazendo sucesso também na televisão com o “Programa Edelson Moura na TV”, veiculado para todo o país no domingo às 8h30 pela Rede Família (do Grupo da TV Record), no qual abre espaço para cantores sertanejos e românticos de vários estados.

Aproveitando minha viagem a Brasília, tive a honra de ser convidado para participar da gravação de dois programas do amigo Edelson Moura na tarde-noite de terça-feira, dia 26 de fevereiro. Os programas que eu participei vão ao ar nos dias 17 e 25 de março. É show.

Obrigado meu amigo pelo convite e que Deus te abençoe sempre e que você faça sempre muito sucesso com o seu talento e sua humildade.

Em breve nos encontraremos naquela bela fazenda em São Félix do Xingu (PA) para gravarmos uma entrevista especial para o programa Conexão Rural da Rede TV de Parauapebas e de Marabá (PA). Abraço.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Pebinha de Açúcar Comunicação e Marketing
LTDA-ME – CNPJ: 05.200.883.0001-05
Parauapebas – Pará – Brasil
(94) 99121-9293 (whatsapp) | (94) 98134-2558

Acompanhe o Pebinha nas redes sociais

Copyright © Pebinha de Açúcar – 2018. Todos os Direitos Reservados.

Fechar Menu