Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Coluna do Lima Rodrigues – 30 de janeiro de 2020

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Este colunista, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, e o presidente da Amog, William Alves

Iporá, em Goiás, promove a maior festa de muladeiros do mundo

É impressionante. Inigualável. Fantástica. Assim poderíamos definir a festa dos Muladeiros em Iporá, no oeste goiano, a 226 km de Goiânia. De 21 a 26 de janeiro fiz a cobertura do 13ª Encontro Nacional de Muladeiros para o programa Conexão Rural, veiculado pela Rede TV de Parauapebas (PA) e pelo portal do jornal O Progresso, de Imperatriz (MA) e pelo site do jornal O Nortão, de Porto Velho (RO).


Iporá tem apenas 40 mil habitantes, foi fundada há 71 anos, mas é considerada a Capital dos Muladeiros. O evento reúne muladeiros de vários municípios de Goiás e de outros estados como o Pará, Tocantins, Pernambuco, Rondônia, Acre, Paraná, São Paulo, Mato Grosso, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

Ferraduras

Antes mesmo de começar oficialmente a grande festa, os muladeiros cuidam bem dos animais (mulas, burros, jumentos e cavalos) com muito carinho e teve gente que até procurou os ferreiros Kleber e Wellignton, para colocar ferraduras novas nos animais. É um trabalho quase artesanal e feito com muito carinho.

O empresário e pecuarista Leonir Slapak, de Primavera do Leste (MT), disse que “a ferradura nos animais é importante e que todos os muladeiros devem ter a preocupação com o bem estar dos animais”.

Parque agropecuário movimentado

E enquanto alguns muladeiros visitavam estandes no primeiro dia da festa e obtinham informações sobre o evento, outros muladeiros chegavam de longe. “Somos da Comitiva Boca Quente e viemos de Ceres, em Goiás, distante 250km de Iporá, em cima de mulas, sem nenhum carro de apoio, só com uma charrete dando apoio mesmo”, informou Túlio Tarentine, o coordenador da comitiva.

Durante todo dia houve exposição de animais, vestuário, veículos e de outros produtos ligados aos apaixonados por muares. No período do encontro, o parque agropecuário de exposições da cidade recebe entre 5 mil e 6 mil pessoas por dia.

Garota Amog 2020

Na quarta-feira (22) ocorreu a prova classificatória de Ranch Sorting, que é uma prova pecuária de separação de gado em duplas e que exige bastante agilidade.

À noite foi realizada a escolha da Garota Amog 2020. Com tanta mulher bonita, o júri teve dificuldade para escolher as três mais bonitas, mas ao final ganhou a mineira Rarissa Lombardi, que recebeu a premiação das mãos do presidente da Associação dos Muladeiros do Oeste Goiano, Wilismar Alves Rosa, mais conhecido por William. Ela tem 20 anos é estudante de arquitetura e urbanismo. “Estou muito emocionada. Nunca imaginei que fosse ser a vencedora”, disse Rarissa.

Depois da escolha Garota Amog, houve show com o maravilhoso Trio Parada Dura. A programação musical incluiu ainda a dupla Mato Grosso e Mathias; Show Boteco do Ivan Diniz; Lucas Reis e Thácio, e Praião e Prainha.

Concurso de Morfologia

Dia 23 – quinta-feira, após o tradicional café da manhã, sob o comando do experiente locutor goiano Welves Gomes, houve concurso de Morfologia de Mula Adulta, com a participação de representantes de vários estados e análise técnica da qualidade dos animais feita pelo árbitro oficial da Associação Brasileira de Jumento Pêga (ABCJ Pêga), Danilo Trajano. Nesta categoria o campeão foi Luiz Otávio, do Haras Ala.

Na categoria adulta a vencedora foi a mula Lolissa, da Estação San Clara, de Votorantin, São Paulo, que teve como apresentador o muladeiro Rivaldo Sousa Rosa. Houve ainda concurso de traia.

Governador Ronaldo Caiado

E na quinta-feira, dia 23 de janeiro, o governador do estado de Goiás, Ronaldo Caiado, visitou alguns estandes, cumprimentou e tirou fotos com muladeiros. Após almoçar com a diretoria da Amog e outros convidados, ele falou ao Conexão Rural. “Esta é uma grande festa de muladeiros que é um orgulho para o estado de Goiás. Quero aproveitar o seu programa de dizer que gosto muito do Pará. Tenho muitos amigos por lá, inclusive o pecuarista Roberto Paulinelli, do Frigorífico Rio Maria”, disse o governador.

Desfile de animais

À tarde, com a participação do governador Ronaldo Caiado da diretoria da Amog e muladeiros de várias partes do Brasil, teve início o grande desfile de Muladeiros.

Cerca de quatro mil cavaleiros e amazonas saíram do Parque Agropecuário, passaram pela rodovia GO 060, e percorreram as principais ruas de Iporá. Os moradores da cidade gostam de ver o desfile de muladeiros e ficam nas portas das casas e das lojas esperando a cavalgada passar.

Após mais de três horas de cavalgada pelas ruas de Iporá, cavaleiros e amazonas retornam para o Parque Agropecuário, onde teve prova de marcha – mula e burro iniciantes e outras provas e à noite show Boteco Ivan Diniz.

Prova de laço

No dia seguinte houve mais marcha de muares, pega do garrote, ranch sorting, team roping (Laço em dupla), prova de Amazonas, concurso de berranteiros nas categorias masculino e feminino, entre outras provas. Na prova de laço, o campeão infantil foi o garoto Elias José Alves, de apenas oito anos de idade, de São Miguel do Araguaia (GO). E o experiente muladeiro Adão Divino de Oliveira, de Caldas Novas (GO), conquistou o primeiro lugar na Prova de Laço na categoria adulta.

Prova do Patrão

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, almoçou no estande do Haras Santos Reis, de Rio Maria, no Pará, de propriedade do empresário Roberto Paulinelli, e depois participou da Prova do Patrão na arena do Parque Agropecuário. Disputou de igual para igual com os demais pecuaristas e recebeu um Troféu de Honra ao Mérito pela sua participação. O troféu foi entregue pelo o presidente da Amog, Wilismar Alves, o William. O primeiro lugar da Prova do Patrão ficou com o pecuarista José Maurício, de Andradas (MG), com a mula Delicada.

E ao longo de todo o Encontro Nacional de Muladeiros foram realizadas inúmeras provas de marcha de muares e até leilão de mulas. São de 200 a 250 animais participando de cerca de 800 provas durante todos os dias da festa, além de Corrida de Cavalo, que reúne de 15 a 20 animais.

Queima do alho

No sábado, dia 26 de janeiro, foi realizada a tradicional Queima do Alho com a participação de 12 comitivas. A vencedora foi a Comitiva Só Moares, de Rio Verde (GO). Fez o arroz carreteiro mais saboroso, na opinião dos jurados.

(O nome Queima do Alho é dado a tradição da culinária típica de peões de boiadeiro. O cardápio é composto de arroz carreteiro, feijão gordo, paçoca de carne e churrasco. A comida é preparada pela comitiva e posteriormente avaliada por degustadores convidados pela comissão organizadora do evento e depois por todos os participantes do Encontro de Muladeiros”, de acordo com o site oficial da Amog).

Patrocínio e apoio

O Conexão Rural fez a cobertura do Encontro Nacional de Muladeiros em Iporá com o patrocínio do Frigorífico Rio Maria e com o apoio da Associação dos Muladeiros do Oeste Goiano (Amog).

Nos próximos domingos vamos apresentar os bastidores do Encontro Nacional de Muladeiros no Conexão Rural, que é veiculado pela Rede TV de Parauapebas (PA) e pelo site do jornal O Progresso e pelo site O Nortão, de Porto Velho (RO).

Publicidade

Veja
Também