Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Com recursos próprios, Unidos do Tropical se prepara para estrear no carnaval de Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A agremiação carnavalesca está utilizando 100% da mão de obra local

No barracão do Grêmio Recreativo Escola de Samba Unidos do Tropical, o trabalho está em ritmo acelerado. Afinal de contas, estamos há menos de um mês para o carnaval, e a jovem participante, já quer fazer história em Parauapebas.


No que depender dos integrantes da escola de samba, será uma estreia em grande estilo. Serão 150 componentes divididos em sete alas que serão coreografadas. A estreante do carnaval de Parauapebas iniciou os preparativos no ano passado e conta com envolvimento direto de moradores dos bairros Tropical, Ipiranga, Vale do Sol, Casas Populares e outros das proximidades. Todos estão contribuindo na confecção de alegorias e adereços.

Luciano Lobato – Carnavalesco

 

Todo o custo da escola de samba está sendo arcado com recursos próprios. Vale ressaltar, que 100% da mão-de-obra utilizada é local. Inclusive, o próprio samba enredo foi escrito e gravado por artistas da terra, como conta Luciano Lobato, presidente e carnavalesco da escola de samba.
“Contamos com o talento do Fernando BG, com a esposa dele, Ariadna e também com a Raquel de Sá, que criaram o samba enredo e gravaram. Tudo isso aqui mesmo na nossa cidade. Nós temos talentos aqui, não precisa buscar lá fora. O carnaval deve proporcionar as oportunidades e envolvimento da própria comunidade. Essa é a essência”, destaca Luciano.

O tema da escola é: “No brilho da magia encantada, a festa do meu boi bumbá de Parintins”. O desfile contará, claro, com os bois Garantido e Caprichoso, que já foram confeccionados juntamente com o artista plástico e carnavalesco aqui da cidade, Afonso Camargo.

A escola não irá disputar o título. Mas, não pense que isso está desanimando os componentes do grupo, pelo contrário, os integrantes querem mostrar o que são capazes de fazer para que o carnaval de Parauapebas volte a brilhar ainda mais.

Sônia Leal – Coordenadora de ala

 

Sônia Leal, coordenadora de ala, é do Ipiranga e já participou de muitos outros carnavais na vida. Mas, destaca que este está sendo diferente. “A gente nunca teve uma escola dentro do bairro e agora entramos de cabeça. Vamos lutar para mostrar o nosso trabalho na avenida com muita determinação e amor”, relata.

Lívia Rafaela – Uma das destaques da escola de samba

 

O momento é único e cada minuto está sendo precioso para a preparação. Assim como a escola, Lívia Rafaela vai estrear no carnaval de Parauapebas como destaque de carro alegórico.
“O coração está muito acelerado, mas estou muito feliz em ter essa oportunidade de participar pela primeira vez do carnaval e defendo a Unidos do Tropical em sua estreia. É um desafio que estamos enfrentando com muita garra”, conta.

A Escola Unidos do Tropical irá realizar três ensaios geral no bairro. Momento de alinhamento para que tudo saia como o programado na avenida.

“Podemos adiantar que vem muita alegria, muita magia que vai encantar o público”, conclui Luciano.

 

Reportagem: Anne Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também