Comércio de Parauapebas tem correria nas vésperas de natal

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Um olho no produto e o outro no preço. Assim encontramos a dona de casa Rosalina Silva, que saiu às compras natalinas na tarde deste sábado (23), em Parauapebas. O que ela procurava, assim como milhares de pessoas que também encontramos nas ruas, eram presentes para os filhos, netos, genros, noras, sobrinhos, irmãos e também para o marido.
Perguntada sobre o motivo do marido ter sido citado só no final da lista, ela disse que como é ele quem paga as contas, sempre fica por último, mas sempre recebe um presente.

Pedir descontos sempre. Mesmo que a mercadoria já esteja barata, eis um dos truques ensinado por dona Rosalina, que já estava com várias sacolas nas mãos. “Quando se tem que comprar muitos presentes, o segredo é pesquisar, pedir desconto e não comprar nada muito caro, preferir as lembrancinhas”, enfoca a dona de casa.


Assim, nossa equipe de reportagem observou o comportamento de muitos clientes encontrados na tarde de hoje nas ruas de Parauapebas, maioria apressada, pois amanhã ficará ainda mais difícil comprar. “Amanhã aquele produto que a gente quer, pode não estar mais na prateleira. Por isso, o dia é hoje”, disse Ilton Fernandes, que procurava um presente para sua esposa.

A equipe de reportagens do Portal Pebinha de Açúcar percorreu vários bairros verificando o movimento no comércio e notou que toda a cidade está, desde sexta-feira (22), com a economia aquecida. Tomamos como base a Rua do Comércio, no Bairro Rio Verde, principal centro comercial de Parauapebas, onde todas as lojas estavam lotadas, principalmente as de presentes.

 

Os comerciantes comemoram e dizem que o Natal os surpreendeu as expectativas, pois o ano todo foi de vendas abaixo do esperado. Gervásio Veiga, disse que estava preocupado com as contas que passaram o ano no vermelho, mas com a aquecida no comércio, irá saldar as dívidas e renovar o estoque. “Evitei até de fazer contratações e isso deixou os últimos dias bem corridos, mas demos um jeito de atender aos clientes “, explica o comerciante, dando conta de que para janeiro, pretende iniciar o ano com novos planos.
“Tomara que o mês de janeiro continue trazendo bons negócios”, completou Gervásio.

Reportagem: Francesco Costa / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

veja também