DA CAMA PARA O XILINDRÓ: Foragido é levado de volta à presídio de onde saiu graças ao indulto natalino

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Abusando da “bondade da justiça” que lhe permitiu visitar a família no Natal, amparado pela Lei, que permite as saídas temporárias em datas específicas, também conhecida como indulto natalino, Wesley Barbosa da Silva, de 28 anos de idade, precisou ser levado de volta, já que este parece ter errado a data ou o caminho de volta ao presídio onde cumpria a pena.

A recaptura de Wesley se deu na noite de ontem (25), um mês depois do Natal, graças as denúncias anônimas chegadas à Polícia Militar, dando conta de que um foragido do Sistema Prisional estava morando em uma kit-net na Av. Faruk Salmen, em frente ao Hotel Vale dos Carajás, em Parauapebas.


Uma guarnição se mobilizou para averiguar a veracidade da denúncia, porém, o foragido não se encontrava no local no momento em que sua residência foi visitada pela polícia, mas, vizinhos informaram que ela ficava com frequência na casa de sua mãe no Bairro Vila Rica.
E foi para lá que “os homens da lei” seguiram, tendo encontrado Wesley, o fugitivo, escondido debaixo de uma cama.

O elemento confessou ser ele mesmo o procurado e que não retornou após o fim do indulto que lhe fora concedido. Assim, foi algemado e encaminhado até a 20ª Seccional de Polícia Civil para lavrar os procedimentos cabíveis, devendo depois ser recambiado para continuar o cumprimento de sua pena, e pelo mau comportamento diante da confiança que lhe fora dada, deverá passar o próximo Natal bem longe da cama da mãe.

Publicidade

veja também