Descumprimento de prisão domiciliar devolve réu para cadeia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Durante abordagem rotineira na região do antigo local denominado “Costa pra Rua”, na divisa dos bairros Cidade Nova e Maranhão, em Parauapebas, onde já ocorreram diversas prisões de traficantes de entorpecentes, uma guarnição da Polícia Militar abordou um suspeito que se encontrava sem documento pessoal. O fato aconteceu por volta das 22 horas deste domingo (23).

Ao ser interrogado pelos policiais, o homem relutou em declinar sua identidade, mas, com a insistência da guarnição, ele acabou revelando que se chamava Geovane da Silva Rodrigues, 23 anos de idade.


De posse dessa informação, os policiais constataram, por meio do sistema Infopen-PA, que Geovane tem o apelido de “Cheira Gás” e se encontrava em prisão domiciliar sem monitoramento eletrônico.

Por descumprir a prisão domiciliar, o réu foi reconduzido à Polícia Civil para que esta reconduza o foragido à Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado Pará (Susipe), para responder por seus crimes.

veja também