Dias 16 e 17 de junho não haverá expediente na Prefeitura de Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Com exceção dos profissionais que trabalham em atividades consideradas essenciais, como na área da saúde, por exemplo, os servidores públicos de Parauapebas terão um feriadão pela frente.

De acordo com o Decreto de número 538, assinado no dia 31 de maio pelo Prefeito Darci Lermen (MDB) e publicado na edição de hoje do Diário Oficial de Parauapebas, não haverá expediente na Prefeitura Municipal de Parauapebas nos dias 16 e 17 de junho.


Confira abaixo o decreto na íntegra:

“DECRETO Nº 538, DE 31 DE MAIO DE 2022. ESTABELECE PONTO FACULTATIVO EM DECORRÊNCIA DA COMEMORAÇÃO DE CORPUS CHRISTI. O PREFEITO MUNICIPAL DE PARAUAPEBAS, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas por Lei, em especial as emanadas do inciso VI, do artigo 52, da Lei Orgânica do Município, e, CONSIDERANDO a tradicional comemoração do dia de Corpus Christi); R E S O L V E: Art. 1º Decretar ponto facultativo nas repartições públicas municipais, nos dias 16 e 17 de junho de 2022, em decorrência da comemoração de Corpus Christi. §1º Excluem-se do ponto facultativo, definido neste Decreto, os serviços essenciais e de interesse público, prestados pelo Município à população, que deverão ser realizados normalmente. §2º Durante o período, as Secretarias Municipais e demais órgãos públicos poderão estabelecer regimes de plantão ou escala de acordo com a necessidade do serviço público. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Parauapebas, 31 de maio de 2022. DARCI JOSÉ LERMEN Prefeito Municipal”.

O que é o Corpus Christi:

Corpus Christi significa Corpo de Cristo. É uma festa religiosa da Igreja Católica que tem por objetivo celebrar o mistério da eucaristia, o sacramento do corpo e do sangue de Jesus Cristo.

A festa de Corpus Christi acontece sempre 60 dias depois do Domingo de Páscoa ou na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade, em alusão à quinta-feira santa quando Jesus instituiu o sacramento da eucaristia.

O Corpus Christi não é feriado nacional, tendo sido classificado pelo governo federal como ponto facultativo. Isso significa que a entidade patronal é que define se os funcionários trabalham ou não nesse dia, não sendo obrigados a dar-lhes o dia de folga.

Durante esta festa são celebradas missas festivas e as ruas são enfeitadas para a passagem da procissão onde é conduzido geralmente pelo Bispo, ou pelo pároco da Igreja, o Santíssimo Sacramento que é acompanhada por multidões de fiéis em cada cidade brasileira.

A tradição de enfeitar as ruas começou pela cidade de Ouro Preto em Minas Gerais. A procissão pelas vias públicas, é uma recomendação do Código de Direito Canônico que determina ao Bispo Diocesano que tome as providências para que ocorra toda a celebração, para testemunhar a adoração e veneração para com a Santíssima Eucaristia.

Origem do Corpus Christi

A festa do Corpus Christi foi instituída pelo Papa Urbano IV no dia 8 de Setembro de 1264.

A procissão de Corpus Christi lembra a caminhada do povo de Deus, peregrino, em busca da Terra Prometida. O Antigo Testamento diz que o povo peregrino foi alimentado com maná, no deserto. Com a instituição da eucaristia o povo é alimentado com o próprio corpo de Cristo.

veja também