Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Domingo é marcado por manifestação contra o Governo Dilma em Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Não chegou a 150 o número de manifestantes que, em Parauapebas, foram às ruas pedir o afastamento da presidente do Brasil, Dilma Rousseff (PT), alegando atos de corrupção. A concentração se iniciou na manhã deste domingo (15), na Portaria de acesso ao Núcleo Urbano e Minas de Carajás.

Com um megafone, os coordenadores insistiram para que os transeuntes pudessem “vir pra rua”, porém, o movimento não ganhou a força esperada e consequentemente o volume de participantes não aumentou da forma que era esperado pelos organizadores.


Mesmo com um número reduzido de participantes, os organizadores do ato saíram satisfeitos com a ação inédita realizada em Parauapebas.

Era por volta das 10h45 quando os manifestantes saíram em caminhada pela PA-275, Avenida Liberdade, Rua do Comércio, onde na Praça da Cidadania fizeram uma parada e mais à frente, desta vez no cruzamento da PA-275, com a Avenida JK, realizaram outra parada.

Alguns empresários e representantes de entidades de classe participaram das manifestações, entre eles, o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Parauapebas (Siproduz), Marcelo Catalão.

Ao longo das caminhadas e carreatas, o grupo ganhou reforço de membros do governo Valmir Mariano (SDD) e de vereadores da base de apoio ao governo no município, entre eles Major da Mactra (PSDB).

Reportagem: Francesco Costa – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também