Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Em reforma, Feira do Produtor mantém volume de vendas em crescimento

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Com adequações às normas de segurança, Feira do Produtor de Parauapebas, localizada na Rodovia Municipal Faruk Salmen, está em funcionamento por ser local de comercialização de produtos essenciais. Porém, na entrada, a exemplo do que ocorre em supermercados, é disponibilizado álcool em gel para que os clientes higienizem as mãos, o mesmo procedimento é feito também na saída.

Assim como em diversos segmentos comerciais, os feirantes também dizem ter sentido “o baque” no faturamento e alguns deles até haviam paralisado por alguns dias. Mas, as coisas parecem ter apresentado melhoras por lá, puxado pela reabertura gradativa de outros segmentos e a injeção de recursos por parte dos governos estadual, municipal e federal, que somaram em muito para o aquecimento do comércio em Parauapebas.


Devido a reforma do prédio que abriga a Feira do Produtor, os feirantes continuam no pátio, abrigados em barracas disponibilizadas pela Prefeitura Municipal de Parauapebas. Porém, de acordo com o secretário municipal de Obras, Wanterlor Bandeira, mesmo com o desaceleramento das obras públicas devido à pandemia de Covid-19, a conclusão da reforma deverá ocorrer até o final deste mês, junho, quando será entregue à Secretaria Municipal de Produção Rural (Sempror), para que proceda a entrega das respectivas lojas e espaços aos feirantes, o que ele prever que aconteça até julho.

 

Na nova configuração, a Feira do Agricultor de Parauapebas manterá com a área de quase dez mil metros quadrados e com dois pavimentos. No térreo, serão construídos 66 boxes para a comercialização de diversas espécies de carnes. Além disso, neste piso haverão banheiros, posto bancário, agência dos Correios e estacionamento externo amplo.

No segundo piso, haverá 42 lojas, banheiros, salão multiuso (sala de reunião com 137 lugares), sala de administração e praça de alimentação. Esta é a primeira reforma feita no prédio do Centro de Abastecimento de Parauapebas (CAP), batizado como Feira do Produtor, que começou a funcionar oficialmente no dia 12 de julho de 2014.

Publicidade

Veja
Também