Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Escola infantil do Residencial Alto Bonito receberá nome de professor

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Os vereadores aprovaram o Projeto de Lei nº 118/2019, de autoria do Poder Executivo, que denomina como “Unidade Escolar de Educação Infantil Professor Dalmo Tenório Nascimento Pereira” a escola localizada no Residencial Alto Bonito.

A proposição veio acompanhada de justificativa com a biografia do professor homenageado.


História do homenageado

O professor Dalmo Tenório Nascimento nasceu em 10 de novembro de 1980, no município de Vitorino Freire/MA, e se formou em Pedagogia pela Universidade Estadual do Maranhão (Uema).

Atendendo ao convite do irmão Celso Valério, e em busca de melhorias profissionais, Dalmo mudou-se para Parauapebas e exerceu a profissão de professor no período de 2003 a 2006, época de intensas atividades educacionais e efervescência em prol da classe.

Todavia, de espírito inquieto, questionador e ávido por conhecimento, Dalmo retornou ao Maranhão e foi para a capital, São Luís, para continuar aprendendo, e se matriculou no curso de pós-graduação em Psicopedagogia, na Faculdade Santa Teresinha.

Diante do contexto e do cenário desanimador pairando sobre o universo da educação, Dalmo Tenório ingressou também no curso de Engenharia de Produção, na Faculdade Pitágoras.

Durante a segunda graduação, conseguiu estágio na empresa Rip Serviços Industriais. Em 2014, concluiu o curso de Engenharia de Produção e graças ao seu empenho e talento conseguiu assegurar sua vaga na mesma empresa, de onde, para a sua alegria, foi remanejado para a cidade que ele havia adotado de coração: Parauapebas.

No campo pessoal, ao longo de todo esse percurso, Dalmo teve a felicidade de ser pai de Monique da Silva Soares Pereira e José Feliph Souza Pereira. Tudo isso no decorrer dos seus 35 anos de idade, quando, em 24 de novembro de 2015, faleceu em decorrência de uma endocardite infecciosa aguda.

Tramitação

O Projeto de Lei nº 118/2020, votado na sessão da Câmara Municipal de Parauapebas da última terça-feira (12), foi analisado pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação, que opinou pela aprovação da matéria. O texto será enviado para sanção do prefeito Darci Lermen e entrará em vigor na data em que for publicado.

Texto: Nayara Cristina / Revisão: Waldyr Silva / Fotos: Kleyber de Souza (AscomLeg)

Publicidade

Veja
Também