Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Estação Conhecimento apresenta produtos do seu laticínio na 11ª FAP

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Eles marcam presença na Feira explicando aos visitantes os processos que envolvem desde a produção até a comercialização dos derivados do leite.

Além de degustar esse leite, quem passar pelo estande da Estação Conhecimento poderá provar a manteiga e os queijos do tipo muçarela, prato, frescal e coalho. Os queijos estarão disponíveis para compra em barras de um a quatro quilos e a manteiga em embalagens de 200g a 500g. A única forma de pagamento aceita é por meio de cartão de débito ou crédito.


Inaugurado em fevereiro deste ano, o laticínio é uma iniciativa da Fundação Vale, apoiada pela Vale e Prefeitura Municipal de Parauapebas, o empreendimento visa colaborar com a geração de emprego e o aumento da renda familiar dos produtores locais.

Atualmente ele é administrado pela Estação Conhecimento, e no futuro será gerido pelos próprios produtores da APA em sistema de cooperativa. Pioneiro na região, o modelo de trabalho criou uma cadeia produtiva dentro da própria comunidade, alcançando uma produção de cerca de dois mil litros de leite por dia.
A Estação Conhecimento APA do Igarapé Gelado

Localizada em uma Área de Proteção Ambiental (APA), a Estação Conhecimento da APA do Igarapé Gelado foi inaugurada em 2010. Suas atividades estão voltadas, em sua maioria, à geração de renda para 120 famílias locais, por meio da bovinocultura leiteira, avicultura, fruticultura, olericultura e piscicultura. No total, em 2014, 1.100 pessoas foram beneficiadas diretamente com as atividades regulares da Estação.

Os produtores contam com o apoio de profissionais como engenheiro agrônomo, zootecnista, médico veterinário e técnicos agrícolas no aprimoramento das técnicas de manejo. A Estação Conhecimento também apoia os produtores com mecanização agrícola.

Publicidade

Veja
Também