Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Estações de Tratamento de Esgoto são alvo de atenção do Governo em Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

“Recuperar esgoto não é barato”, conforme avaliou o diretor operacional do SAAEP, Sergio Ferreira Barbosa Neto, o popular “Sergel”, mensurando que dos gastos com saneamento 80% representa o esgoto e apenas o restante é com captação, tratamento e distribuição de água; motivo que ele apresenta como alegação para a eficiência no tratamento de esgoto.

Parauapebas conta atualmente com quatro ETE’s (Estações de Tratamento de Esgotos), nos bairros Primavera, Rio Verde e União, atendendo juntas menos de 10% da população.
No ultimo bairro citado existem duas, sendo nas ruas 10 e 16. A segunda citada está sendo lentamente desativada, sob a alegação de muitas reclamações dos moradores nas proximidades. O material será retirado através de elevatória e bombeado para uma ETE no bairro Rio Verde.


O local, segundo projeto do SAAEP, será revitalizado, receberá Aeradores e quando terminar a remoção de todo o matéria dará lugar a outra obra pública.
“Estamos repotenciando com energia elétrica todas as ETE’s para aumentar os aeradores e assim não mais incomodar aos moradores”, explicou o gestor do SAAEP, Gesmar Costa, apontando como outra ação do SAAEP a construção de uma ETE no bairro Tropical, que terá capacidade para 45 mil habitantes, atendendo todo o Complexo Altamira com previsão para ser inaugurada no meado deste semestre deste ano.

Reportagem: Francesco Costa

Publicidade

Veja
Também