Ex-prefeito de Curionópolis se desliga do DEM e anuncia nova etapa na vida política

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Adonei Aguiar

Em carta datada desta quarta-feira (17), dirigida ao deputado federal Hélio Leite da Silva, atual presidente do Partido Democratas (DEM) no Estado do Pará, o ex-prefeito de Curionópolis, Adonei Souza Aguiar, se desliga oficialmente da agremiação partidária, na qual esteve filiado desde 28 de janeiro de 2011.

O ex-prefeito faz uma espécie de balanço das atividades do DEM naquele município, “que caminhou em direção contrária aos interesses da maioria dos filiados e simpatizantes do partido em Curionópolis, porque existe uma disputa política local que não caminha ladeada”.


Em outro ponto da carta, Adonei Aguiar lembra que o partido ficou abandonado no município até 2008, mas nas eleições de 2012, 2016 e 2020, sob seu comando, o DEM obteve em Curionópolis 4.839 votos (38,54%), 5.227 votos (41,48%,) e 4.971 votos (37,91%) para governador, prefeito, deputados e vereadores.

Adonei Aguiar acrescenta na missiva que em 2016 foi eleito prefeito do município pelo DEM, com mais cinco vereadores, e em 2018 o partido sagrou-se tanto em primeiro quanto em segundo turno “as maiores votações proporcionais do Estado do Pará ao candidato a governador do partido, sendo 59,43% contra 30,80% no primeiro turno, e 61,73% contra 38,27% no segundo turno, depositando ainda 27,49% dos votos válidos ao deputado federal e 21,90% ao deputado estadual”.

Finalizando a carta, o ex-prefeito afirma que foram anos de luta “para chegarmos às conquistas e avanços, buscando sempre o interesse público. Agradeço a todos os deputados que colaboraram com o município de Curionópolis, através de emendas federais, estaduais e ações conjuntas que trouxeram desenvolvimento à nossa comunidade, e a todos os colegas da direção estadual do partido. Sigo daqui pra frente com a certeza de dever partidário cumprido, sempre colocando em primeiro lugar a ética, o respeito e a consideração”.

Na apresentação da carta, Adonei Aguiar diz ter feito um pacto consigo mesmo, que ficaria um ano fora das redes sociais, “e isso eu fiz, pois minha última publicação foi em 16/11/2020”.

“A partir de hoje se inicia uma nova etapa em minha vida política. Seguirei novos caminhos que não sejam os mesmos caminhos estreitos que não caminhem meus pensamentos, ideologias e convicções”, assinala o ex-prefeito de Curionópolis.

veja também