Publicidade

Familiares da mulher que foi jogada no rio reconhecem corpo e levam para Maranhão

Familiares da mulher que no dia 17 do corrente foi jogada no Rio Parauapebas, com o corpo envolto em lona e uma pedra de aproximadamente 20 quilos, estiveram nesta quinta-feira (20) no IML de Parauapebas e reconheceram o corpo da vítima, identificada por Rosivânia Torquato Xavier, de 29 anos.

Conforme declarou o delegado Felipe Oliveira à reportagem, a família da vítima veio da cidade de Colinas (MA), para onde o corpo foi levado para ser enterrado.


A autoridade policial revelou ter apurado junto aos familiares de Rosivânia Xavier que ela tinha um companheiro, cuja identidade ainda não foi revelada, e um casal de filhos, o menino com 11 anos de idade e a menina com 9, que estão desaparecidos.

“O laudo vai nos dizer se a mulher foi jogada no rio ainda viva ou não. A partir desse resultado, seguiremos a linha de investigação, que segue em segredo de justiça, para elucidar mais este crime”, detalha Felipe Oliveira.

Compartilhe essa notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Tags

Veja também

Fechar Menu