Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Filho acusado de mandar matar pai para ficar com a herança é preso em Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Através de uma operação conjunta das Polícia Civil e Militar de Parauapebas, foi cumprido nesta quarta-feira (30) mandado de prisão preventiva em desfavor de JHONATAS RODRIGUES OLIVEIRA e WILLIAN RODRIGUES DA CRUZ, acusados de terem cometido o crime de homicídio tendo como vítima o Sr. JOÃO GOMES DA CRUZ NETO.

De acordo com informações repassadas pelo Superintendente de Polícia Civil de Parauapebas, Delegado Thiago Carneiro, o delito ocorreu na madrugada de sábado (26), no bairro Jardim Canadá, na residência do ofendido em Parauapebas.


WILLIAN RODRIGUES é filho da vítima e acusado de ser o mandante deste hediondo crime, no intuito de herdar a herança de seu pai.

Já JHONATAS RODRIGUES, segundo a Polícia, foi o executor e desferiu três golpes de faca para a consumação do delito, e receberia o valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) pela prática desta conduta ilícita.

No crime, foram subtraídos ainda duas motocicletas na residência de JOÃO GOMES, mas as mesmas já foram recuperadas pela Polícia.
Os civis e os militares prenderam também um adolescente com participação nesta empreitada criminosa.

Na Delegacia, os suspeitos confessaram todo o enredo delituoso.
O Inquérito Policial foi presidido pela Delegada de Polícia Civil Yanna Azevedo, com participação de toda a equipe da Seccional e Polícia Militar que culminou com o sucesso das prisões.

“Com estas prisões, concluímos a apuração de todos os homicídios ocorridos neste fim de semana, com seus respectivos autores detidos e à disposição do Poder Judiciário”, relatou o Delegado Thiago Carneiro.

JHONATAS RODRIGUES, segundo a Polícia, foi o executor
JHONATAS RODRIGUES, segundo a Polícia, foi o executor

Reportagem: Portal Pebinha de Açúcar / Com informações e fotos da Polícia Civil

Publicidade

Veja
Também